01:36 19 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 31
    Nos siga no

    As estrelas são formadas pela contração gravitacional das nuvens de gás no espaço, e podem ter diversas massas.

    Estrelas massivas, em parceria com outras, podem formar um grande aglomerado de estrelas. Para formar o aglomerado, é preciso o rápido armazenamento de grandes quantidades de gás e outros materiais dentro de um pequeno espaço. Contudo, o mecanismo de formação ainda é desconhecido.

    A equipe de estudo dos professores Kengo Tachihara e Yasuo Fukui, da Universidade de Nagoya, no Japão, acredita na hipótese da colisão de múltiplas nuvens de gás, que permitem a formação de aglomerado estelar.

    ​Formação estelar é desencadeada por colisões de nuvens, aponta estudo.

    Durante a realização do estudo, os pesquisadores descobriram que as colisões de nuvens de gás no espaço induziram o nascimento de um aglomerado de estrelas, fazendo-os acreditar na possibilidade de que a Via Láctea tenha colidido com outras galáxias pouco depois de nascer, o que teria causado a frequente colisão de nuvens de gás nas galáxias, resultando, assim, na formação de muitos aglomerados globulares.

    O estudo, publicado pela Astronomical Society of Japan, contribuiu para uma melhor compreensão da formação das estrelas massivas e do surgimento de aglomerados globulares.

    Mais:

    IMAGEM captada pelo Hubble mostra detalhes de importante aglomerado de galáxias
    Fonte de rádio circular de quase 1 milhão de anos-luz de diâmetro é descoberta em galáxia distante
    Telescópio Hubble tira FOTO impressionante de luzes se dobrando em aglomerado de galáxias
    Tags:
    espaço, planeta, estudos, estudo, galáxias, galáxia, estrelas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar