03:14 21 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 30
    Nos siga no

    O Telescópio Espacial Hubble da NASA e da Agência Europeia Espacial (ESA, na sigla em inglês), voltou a impressionar com mais um de seus registros fotográficos, desta vez de luz cósmica se dobrando.

    Esta fotografia extraordinária do aglomerado de galáxias Abell 2813, também chamado de ACO 2813, não só mostra a sua beleza celeste, mas também a física espacial em ação, demonstrando o conceito de lente espacial, segundo o Phys.org.

    A imagem capturada pelo famoso telescópio é o resultado de uma compilação de várias observações registradas através da Câmera Avançada para Pesquisas e da Câmera de Campo Amplo 3, ambas instaladas no Hubble.

    Entre os vários pontos e expirais das galáxias pertencentes ao aglomerado, destacam-se formas de luzes distintas, mas estas não são galáxias curvadas, são exemplos de lentes gravitacionais.
    Imagem registrada pelo Telescópio Espacial Hubble mostra luz se dobrando em um fenômeno conhecido como lente gravitacional
    Imagem registrada pelo Telescópio Espacial Hubble mostra luz se dobrando em um fenômeno conhecido como lente gravitacional

    As lentes gravitacionais são formadas quando a massa de um objeto faz com que a luz se dobre. Considerando que o aglomerado de galáxias em causa tem uma grande massa, este fenômeno se torna visível para as lentes do Hubble, uma vez que as luzes provenientes das galáxias aglomeradas são dobradas. Quando tal fenômeno acontece, suas formas resultantes podem variar bastante, desde, por exemplo, linhas longas a arcos curvados, explica a mídia.

    Esta evidência visual de que a luz pode ser dobrada é bastante utilizada para provar a Teoria da Relatividade Geral, formulada por Albert Einstein.

    Mais:

    Mini-helicóptero Ingenuity da NASA registra sua 1ª IMAGEM de voo inaugural em Marte
    NASA revela 1ª visualização de buracos negros binares (VÍDEO)
    Novos aglomerados 'ocultos' de galáxias são descobertos (FOTO)
    Tags:
    Hubble, galáxias, luz, Física, Albert Einstein
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar