01:13 07 Março 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    180
    Nos siga no

    A agência espacial norte-americana, que monitora corpos celestes que podem representar um perigo para a Terra, relatou que várias rochas espaciais gigantes vão se aproximar do nosso planeta esta semana.

    Um grupo de três corpos celestes estão se aproximando rapidamente e vão passar pela Terra nesta segunda-feira (22), com o maior asteroide, 2020 XU6, medindo 231 metros de diâmetro, informou a NASA.

    De acordo com a agência espacial, 2020 XU6 tem o tamanho aproximado de um estádio de futebol e viaja pelo espaço a uma velocidade de 8,4 km/s, ou seja, a mais de 30.000 km/h. A rocha espacial vai chegar a 4 milhões de quilômetros de distância da Terra nesta segunda-feira (22). Um gráfico da órbita do 2020 XU6 e da Terra foi publicado no Twitter.

    O Objeto Perto da Terra [NEO, na sigla em inglês] (2020 XU6) está voando a uma distância de cerca de 4.100.000 km (que são 11 distâncias lunares). Ele está viajando a uma velocidade de cerca de 8,4 km/s.

    Logo após a passagem de 2020 XU6, outros dois objetos espaciais vão cruzar o nosso planeta: 2020 BV9, com 23 metros de diâmetro, que passará a uma distância de 5,6 milhões de quilômetros, e 2021 CC5, com 40 metros de diâmetro, que chegará a cerca de 6,9 milhões de quilômetros da Terra.

    Casos de colisão de asteroides com a Terra são raros, mas é conhecido o incidente do ano 1908, quando a queda de um meteorito na Rússia provocou uma grande explosão e destruiu 2.000 quilômetros quadrados de floresta. No ano de 2013, um asteroide se destruiu entrando na atmosfera da Terra e os estilhaços do meteorito que caíram provocaram cerca de 2.000 feridos e causaram vários danos na região russa de Chelyabinsk.

    Mais:

    NASA publica FOTO de fusão de galáxias colorida com 25 fontes de raios X
    'Civilização industrializada'? NASA procura por sinais de poluição para encontrar alienígenas
    NASA descobre novos exoplanetas 'do tamanho da Terra' flutuando em 'corredor de estrelas'
    Marte a cores: rover da NASA envia primeiras FOTOS coloridas do Planeta Vermelho
    Tags:
    estádio, NASA, corpo celeste, asteroide
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar