07:55 17 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    Coronavírus no mundo em meados de dezembro (87)
    1101
    Nos siga no

    As grandes mudanças ocorreram principalmente devido a medidas de confinamento, o que levou a uma grande queda no transporte e, consequentemente, à dissipação do calor mais rapidamente.

    A pandemia de COVID-19 deste ano virou o mundo de cabeça para baixo. Com um número recorde de pessoas permanecendo confinadas em suas próprias casas, o meio ambiente passou por mudanças dramáticas ao longo de 2020, impactos tão profundos que é possível vê-los do espaço, garante a NASA.

    A agência espacial norte-americana lançou esta semana um mapa interativo em que mostra as mudanças que ocorreram no planeta neste último ano. "Use o painel para interagir com dados reais da NASA e investigar como as medidas de distanciamento social […] afetaram o ar, a terra e a água da Terra", afirma o comunicado da agência.

    É possível observar, por exemplo, as mudanças globais no dióxido de nitrogênio (NO2), um poluente comum do ar, e dióxido de carbono (CO2), um potente gás de efeito estufa, ou ainda acompanhar como as mudanças localizadas na qualidade da água, luzes noturnas e outros indicadores econômicos podem ter sido influenciados por mudanças em nosso comportamento devido ao SARS-CoV-2.

    Dados térmicos mostram diminuição de ilha de calor urbana. A imagem à esquerda mostra as temperaturas acima de São Francisco em abril de 2018, enquanto a imagem à direita mostra as temperaturas acima de São Francisco em abril de 2020
    Dados térmicos mostram diminuição de ilha de calor urbana. A imagem à esquerda mostra as temperaturas acima de São Francisco em abril de 2018, enquanto a imagem à direita mostra as temperaturas acima de São Francisco em abril de 2020
    "Os cientistas da NASA usam diversas ferramentas, conjuntos de dados e métodos diferentes para investigar mudanças relacionadas à COVID-19 no sistema terrestre. Comparar conjuntos de dados complementares no painel ajuda a revelar uma história mais profunda de como o ambiente está mudando devido aos confinamentos relacionados à COVID-19", afirma a agência.

    A NASA destaca que, à medida que o mundo se movia para dentro de casa para se proteger da pandemia global, foi perceptível as mudanças em nosso planeta. "O céu parecia um pouco mais azul, o ar um pouco mais fresco, os animais em nossos quintais mais abundantes", garante a agência.

    Tema:
    Coronavírus no mundo em meados de dezembro (87)

    Mais:

    Novo tipo de explosões eletrônicas no Sol é descoberto pela Voyager da NASA
    Enquanto Japão analisa solo de Ryugu, NASA avisa que 5 asteroides passarão pela Terra nesta semana
    2024: NASA revela prioridades para missão tripulada à Lua que durará só 1 semana
    Hubble celebra 30º aniversário: NASA publica fotos do telescópio ainda desconhecidas
    Tags:
    novo coronavírus, COVID-19, NASA, espaço, Espaço
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar