08:50 20 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    130
    Nos siga no

    Em novembro, o Río de la Prata, localizado na costa da cidade de La Plata, perto de Buenos Aires, esteve verde por alguns dias. Habitantes locais suspenderam o consumo de água e a ingestão de peixes do rio.

    Vários cientistas comentaram o tema, incluindo o biólogo Sergio Federovisky, vice-ministro do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Argentina. Segundo ele, o assunto é sério: se trata de cianobactérias. Esses tipos de bactérias se reproduzem por fotossíntese, e por isso, a luz solar e os nutrientes na água favorecem seu crescimento. São bactérias bastante prejudiciais.

    ​Olhem as cianobactérias do Río de la Prata

    Este fenômeno atípico ocorre pela combinação das "alterações climáticas, o que implica no agravamento das condições por aumento sistemático da temperatura das águas e dos nutrientes provenientes da poluição de origem orgânica", explicou o vice-ministro à RePerfilAr. Em outras palavras, ele afirma que são "o resultado de descarga de efluentes de esgoto, do despejo das pesticidas dos campos e da mudança climática".

    Surpresa: por que as águas do Delta e de Puerto Madero estão verdes?

    O pesquisador da Comissão das Investigações Científicas (CIC), Ricardo Echenique, assegurou ao jornal El Día, de La Plata, que as cianobactérias são perigosas e, devido a suas toxinas, podem provocar diarreias, gastroenterites e hepatoenterites, que por sua vez podem causar, conjuntivites, consequências na pele, irritação em mucosas e afetar o ouvido (otites). Algumas também afetam o sistema nervoso central.

    ​Assim está o Río de la Prata! É uma invasão de algas. Não há água no sistema de La Prata, Berriso e Ensenada.

    "Temos que trabalhar as mudanças climáticas, mas também devemos nos focar nos processos de poluição dos rios na Argentina", concluiu Federovisky.

    ​A presença de algas no Río de la Prata dificulta o fornecimento de água na zona de La Prata. Assim informou a distribuidora ABSA, "por este motivo, o serviço será afetado pela baixa pressão e/ou falta de água em Ensenada, Berisso e na área urbana de La Prata"

    Mais:

    Bactérias de epidemia histórica desenvolvem novas estratégias para sobreviverem a antibióticos
    DNA de bactéria que originou 'febre das trincheiras' foi encontrado em amostras dentais do século I
    Esta bactéria 'imortal' sobreviveu um ano inteiro fora da EEI (FOTOS)
    Tags:
    rio, Argentina
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar