17:09 11 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    130
    Nos siga no

    O Telescópio Espacial Hubble captou uma grande extensão espacial, que apresenta a galáxia SDSSJ225506.80+005839.9.

    Ao contrário de outras galáxias fotografadas pelo Hubble, esta não dispõe de um nome popular curto, sendo conhecida apenas por seu longo nome em referência às suas coordenadas no céu.

    Podemos observar a SDSSJ225506.80+005839.9 na parte central direita da imagem, bem como suas diversas galáxias vizinhas, que estão localizadas na constelação de Peixes.

    Galáxia SDSSJ225506.80 + 005839.9 na constelação de Peixes
    © Foto / ESA / Hubble & NASA, A. Zabludoff
    Galáxia SDSSJ225506.80 + 005839.9 na constelação de Peixes

    A SDSSJ225506.80+005839.9 é uma galáxia que resultou da pós-explosão estelar, ou seja, um produto de galáxias que se fundiram nos últimos anos, conforme citou o portal SciTchDaily.

    Esta fusão levou o gás ao centro da galáxia, criando uma abundância de novas estrelas, na qual as mais brilhantes são visíveis no núcleo da galáxia remanescente.

    A galáxia se encontra muito distante da Via Láctea, e foi descoberta e catalogada com a ajuda do Telescópio Hubble.

    Mais:

    IMAGEM captada pelo Hubble revela galáxia espiral 'de outro mundo'
    Galáxias em processo de colisão formam 'abóbora' gigante no espaço (FOTO)
    'Cachoeira de estrelas': Hubble captura bela FOTO de galáxia a 32 milhões de anos-luz
    Tags:
    espaço, estudo, NASA, hubble, telescópio
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar