08:19 20 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    1231
    Nos siga no

    Cientistas norte-americanos encontraram um misterioso artefato dentro de uma múmia egípcia de dois mil anos.

    Os cientistas estudaram a múmia usando tomografia computadorizada, combinada com difração de raios X e acelerador de partículas síncrotron, para obter informação detalhada sobre seu conteúdo.

    Como resultado, várias dezenas de pequenos objetos foram descobertos dentro da múmia, inclusive um artefato de sete milímetros, segundo estudo publicado na revista científica Journal of the Royal Society Interface.

    O artefato estava perto da barriga, no lugar de corte usado para retirar os órgãos durante a mumificação. O artefato é um amuleto, possivelmente em forma de escaravelho-sagrado, deixado para proteção espiritual da múmia, de acordo com os cientistas.

    Este tipo de amuletos era muito comum no Antigo Egito.

    ​A múmia egípcia de criança da Era Romana foi escaneada com alta precisão.

    O corpo mumificado pertencia a uma menina de cerca de cinco anos de idade, confirmaram os cientistas. No entanto, o retrato pintado por cima da múmia mostra uma mulher adulta.

    O corpo embalsamado, conhecido como Múmia de Hauara 4 com Retrato, datado do 1º século d.C., foi encontrado em 1910-1911 no sítio arqueológico de Hauara.

    Mais:

    Múmia egípcia de 2.400 anos é retirada da proteção de vidro pela 1ª vez em 130 anos na Índia (FOTOS)
    Desvendam que 'múmia' egípcia de 3 mil anos 'parecida a uma criança' foi feita de grão e lama (FOTO)
    Cientistas usam raios X para descobrir destino de múmias de animais do Egito (FOTOS)
    Mistério da 'múmia que grita' de mais de 3.200 anos é revelado no Egito (FOTOS)
    Tags:
    sarcófago, egiptologia, descoberta, múmia, artefato
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar