01:33 26 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    1150
    Nos siga no

    Objetivo da inovação é impedir que objetos aqueçam demais. A nova cor pode ser uma arma poderosa no combate ao aquecimento global.

    Pesquisadores da Universidade de Purdue, EUA, desenvolveram uma tinta de tonalidade branca que reflete 95,5% da luz solar, contra os 80% a 90% das tintas brancas existentes. Graças à nova tonalidade, durante à noite, as superfícies são mantidas até dez graus mais frias do que a temperatura ambiente, afirmam os cientistas em comunicado.

    "É muito contraintuitivo que uma superfície sob a luz direta do Sol seja mais fria do que a temperatura que sua estação meteorológica local informa para essa área, mas nós mostramos que isso é possível", afirma Xiulin Ruan, principal autor do estudo, que foi publicado na revista científica Cell Reports Physical Science.

    A equipe levou seis anos para fazer a tinta acrílica, que ainda não recebeu um nome oficial. Para atingir a tonalidade, usaram carbonato de cálcio, composto encontrado em rochas e conchas.

    "Nossa tinta é compatível com o processo de fabricação de tintas comerciais e o custo pode ser comparável ou até menor […] O segredo é garantir a confiabilidade da tinta para que seja viável em aplicações externas de longo prazo", acrescenta o cientista.

    Os pesquisadores acreditam que a nova tinta, se for utilizada em telhados, estradas e carros, poderia resfriar a superfície da Terra. É mais barata do que a tinta comercial e pode economizar cerca de US$ 1 (R$ 5,74) por dia na conta de eletricidade se for usada para resfriar uma casa, sublinha a equipe.

    "É uma tarefa persistente desenvolver uma solução de resfriamento […] que ofereça uma forma de tinta de matriz de partícula de camada única conveniente e alta confiabilidade […] Isso é crítico para a ampla aplicação de resfriamento radiativo e para aliviar o efeito do aquecimento global", comenta Ruan.

    Mais:

    Quando melhor arma são a caneta e a tinta
    Tubarão saudável sem pele e dentes pode ter sido vítima de contaminação ou aquecimento global (FOTO)
    Luas de Júpiter estão aquecendo umas às outras, sugere estudo
    Pinguins 'mumificados' são desenterrados na Antártica pelo aquecimento global (FOTO)
    Tags:
    tinta, inovação, cor, Aquecimento global
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar