09:01 28 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    Coronavírus e o mundo no início de novembro (39)
    130
    Nos siga no

    O governo do Egito apresenta forte interesse pela vacina russa Sputnik V, declarou Ministério das Relações Exteriores do país.

    Em uma entrevista ao canal Rossiya 24, o ministro das Relações Exteriores do Egito, Sameh Shoukry, afirmou:

    "Estamos muito interessados na vacina desenvolvida na Rússia contra a COVID-19. Nós damos valor aos institutos que conseguiram criar esta vacina e a disponibilidade para a fornecer a países amigos pela proteger a humanidade contra a pandemia. Estamos em constante contato com instituições médicas e órgãos do poder [da Rússia] para resolver todas as questões sobre o fornecimento desta vacina após a realização de todos os testes clínicos."

    Shoukry também salientou que seu país está interessado na produção da Sputnik V em seu próprio território. "Vamos utilizar qualquer possibilidade. No Egito existem grandes capacidades de produção na esfera farmacêutica, além de uma grande quantidade de pessoas que podem precisar desta vacina. Portanto, vamos usar qualquer oportunidade de produção conjunta em todos os aspectos científicos, econômicos e comerciais.

    Enfermeira prepara a vacina russa Sputnik V contra a doença do coronavírus (COVID-19) para inoculação em uma fase de testes pós-registro de uma clínica em Moscou, Rússia, 17 de setembro de 2020
    © REUTERS / Tatyana Makeeva
    Vacina russa Sputnik V sendo preparada

    A vacina Sputnik V, produzida pelo Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamaleya, recebeu o primeiro certificado de registro do Ministério da Saúde da Rússia em 11 de agosto, se tornando ao mesmo tempo a primeira do mundo.

    Tema:
    Coronavírus e o mundo no início de novembro (39)

    Mais:

    Cientistas calculam taxa de letalidade real da COVID-19
    Brasil chega a 157.134 mortes pelo coronavírus; OMS alerta para 'nacionalismo da vacina'
    Ato em São Paulo contra vacina de empresa chinesa reúne cerca de 300 pessoas
    Tags:
    pandemia, Sputnik, vacina, Egito, novo coronavírus, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar