04:33 26 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 60
    Nos siga no

    O camaleão de Voeltzkow, avistado pela última vez há um século, foi redescoberto em Madagascar, entretanto a espécie está ameaçada de extinção.

    Na sexta-feira (30), cientistas de Madagascar e da Alemanha anunciaram em um estudo ter encontrado camaleões de Voeltzkow, que haviam sido avistados pela última vez há mais de 100 anos, no noroeste da ilha africana, região de florestas densas.

    Camaleão de Voeltzkow encontrado em Madagascar
    © Foto / Kathrin Glaw
    Camaleão de Voeltzkow encontrado em Madagascar

    "Nosso planeta está provavelmente enfrentando o início de uma grande extinção de espécies, frequentemente referida como a 'sexta extinção em massa', a 'extinção do Holoceno' [...]. As redescobertas de espécies 'perdidas' são muito importantes, pois fornecem dados fundamentais para medidas de conservação, além de trazer alguma esperança em meio à crise da biodiversidade", afirmam os pesquisadores.

    Os pesquisadores acreditam que os camaleões de Voeltzkow vivem pouco tempo, somente durante os meses da temporada de chuvas. A principal preocupação é o desmatamento na região, que atinge gravemente a vida desta espécie e de centenas de outras.

    Atualmente, a região habitada pelos camaleões em Madagascar é afetada pela expansão da agricultura, incêndios florestais e queimadas, informa a CNN.

    Mais:

    A um fio da extinção: pesquisadores advertem sobre riscos para uma espécie de tubarões no Brasil
    Extinção de dinossauros por queda de asteroide seria inevitável?
    Supostamente extinta, aranha incomum surge em campo militar no Reino Unido (FOTO)
    Tags:
    Madagascar, extinção, cientistas, réptil, descoberta
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar