14:23 29 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 12
    Nos siga no

    O aplicativo de vídeos curtos norte-americano Triller busca investimento bilionário para competir no mercado.

    Triller, o aplicativo de vídeos curtos norte-americano rival do chinês TikTok, está negociando com uma série de empresas uma eventual fusão que pode levar à sua entrada na bolsa, informou neste domingo (11) a agência Reuters, citando fontes da área.

    De acordo com a agência, o Triller está trabalhando com o banco de investidores Farvahar Partners enquanto discute um possível acordo com "empresas de aquisição de propósito especial" (SPAC, na sigla em inglês) para arrecadar dinheiro. Seu objetivo é se unir com outra empresa e posteriormente lançar operações na bolsa.

    Paralelamente, está efetuando negociações com investidores para arrecadar fundos privados, processo liderado pelo UBS Group AG, no qual esta empresa trata de reunir aproximadamente US$ 250 milhões (R$ 1,38 bilhão). Atualmente, o aplicativo é avaliado em US$ 1.250 bilhão (R$ 6,91 bilhões).

    Aplicativo Triller (imagem referencial)
    © Depositphotos / Postmodernstudio
    Aplicativo Triller (imagem referencial)

    A rede social foi lançada em 2015 e já foi baixada 120 milhões de vezes, enquanto o aplicativo chinês apresenta o número de dois bilhões de downloads. O Triller agora espera que a incerteza sobre o futuro de seu rival nos EUA faça com que usuários migrem para sua plataforma.

    Mais:

    Justiça dos EUA bloqueia decisão de Trump de impedir download de aplicativo chinês
    Trump afirma que acordo só será aprovado se Oracle e Walmart tiverem controle total sobre TikTok
    Facebook bloqueará anúncios políticos na semana anterior às eleições dos EUA
    Tags:
    competição, TikTok, EUA, Bolsa de Valores, tecnologia, aplicativo, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar