22:08 19 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    180
    Nos siga no

    Cientistas do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT, na sigla em inglês), com a ajuda de astrônomos de outras instituições, acharam um planeta que orbita a sua estrela a cada 3,14 dias.

    A partir de dados coletados em 2017 durante a missão K2, do telescópio espacial Kepler da agência espacial norte-americana NASA, os astrônomos perceberam que luz da estrela EPIC 249631677 perdia força por um momento e voltava a brilhar com a mesma intensidade em intervalos de 3,14 dias, que lembra o valor da constante matemática.

    A equipe percebeu que se tratava de um trânsito planetário e, com a ajuda de algoritmo de previsão de tempo e da rede de telescópios SPECULOOS, em fevereiro deste ano os cientistas conseguiram observar dois trânsitos no hemisfério sul e um no norte. A descoberta foi publicada na segunda-feira (21) na revista científica The Astronomical Journal.

    "O planeta se move como um relógio", afirma em comunicado Prajwal Niraula, autor principal do artigo. Esse exoplaneta foi batizado de K2-315b, e é o 315º sistema planetário descoberto dentro dos dados da missão K2.

    Os astrônomos estimam que o K2-315b tem raio que equivale a 0,95 ao raio da Terra, tornando-o quase do tamanho do nosso planeta, o que justifica a brincadeira no título do estudo: "Terra pi". K2-315b orbita uma estrela fria que tem tamanho equivalente a um quinto do Sol do nosso Sistema Solar a uma velocidade de 81 quilômetros por segundo.

    Planeta sem vida

    Embora a massa do exoplaneta ainda não tenha sido determinada, os cientistas suspeitam que K2-315b tenha uma massa semelhante à da Terra. Mas o exoplaneta provavelmente não é habitável, uma vez que sua órbita estreita o aproxima muito de sua estrela. As temperaturas de K2-315b devem atingir 176 ºC.

    "Isso seria quente demais para ser habitável no entendimento comum da frase", explica Niraula, que acrescenta que a empolgação em torno desse exoplaneta em particular, além de suas associações com a constante matemática pi, é que K2-315b pode se revelar um candidato promissor para estudar as características de sua atmosfera.

    Mais:

    Bactérias são capazes de viajar entre planetas, segundo experimento realizado na EEI
    Idade revelada do núcleo da Terra permitiria compreender mistérios de outros planetas
    Sistema bizarro com 3 anéis de formação planetária 'desalinhados' é detalhado (FOTO)
    Do tamanho de Júpiter, planeta é achado orbitando restos de estrela anã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar