06:22 23 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    2151
    Nos siga no

    Pesquisa realizada em elmo anglo-escandinavo encontrado na região de Teesside, Reino Unido, revela novos segredos sobre os vikings.

    O elmo viking desenterrado na pequena cidade de Yarm, região de Teesside, é o primeiro identificado no Reino Unido. O objeto foi encontrado por trabalhadores que escavavam o local para a construção de encanamentos de esgoto na década de 1950.

    O artefato invulgar nunca havia sido previamente estudado e a sua idade tinha causado muito debate, segundo o portal Teesside Live.

    Um novo projeto de pesquisa, liderado pelo dr. Chris Caple indica que, além de ser o primeiro elmo viking encontrado no Reino Unido, é também o segundo praticamente completo existente no mundo.

    ​Pesquisa do elmo viking de Teesside revela novos segredos.

    A equipe de pesquisa utilizou evidências de recentes descobertas arqueológicas, bem como análises do metal e da corrosão para concluir que o objeto incomum é um elmo anglo-escandinavo (viking) do século X.

    De acordo com a equipe, o projeto foi algo desafiador e exigiu cuidados, pois a fina folha de ferro do capacete era muito suscetível à corrosão e, por isso, deveria ser mantida em condições muito especiais.

    "Nossa análise mostrou que ele inicialmente foi preservado em condições de alagamento, sendo danificado apenas posteriormente, quando começou a corrosão. Felizmente, foi descoberto antes de ficar totalmente corroído", afirmou o dr. Caple.

    O estudo também revelou que a maior parte dos guerreiros do século X possuíam elmos como este.

    "Eles eram fabricados de forma simples, projetados para proteger o guerreiro, mas não eram decorados [...]. Junto com a cota de malha, o elmo era um equipamento de proteção essencial para um guerreiro", ressaltou.

    O dr. Caple afirma que o único elmo completo viking está na Noruega, já que estas peças "geralmente não resistiam, pois no século X tanto os anglo-escandinavos quanto os saxões eram cristãos e já não enterravam objetos nos túmulos".

    Atualmente, o elmo pode ser visto no Preston Park Museum, onde está em exposição permanente desde 2012.

    Mais:

    Dinossauro de 76 milhões de anos tem descoberta intrigante (FOTO)
    Mosaico colorido e relicário são descobertos em igreja de 1.300 anos na Galileia (FOTOS, VÍDEO)
    Descoberta provável origem dos megálitos de Stonehenge
    Tags:
    arqueólogos, arqueologia, viking, Reino Unido, descoberta
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar