00:10 19 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    1111
    Nos siga no

    Restos de uma igreja de 1.300 anos com pisos de mosaico foram descobertos na povoação de Kfar Kama, na Baixa Galileia.

    "A igreja, medindo 12x36 metros, possui um grande pátio, um saguão de nártex e um salão central [...] Esta igreja apresentava três absides. A nave e os corredores eram pavimentados com mosaicos", informou a arqueóloga da Autoridade de Antiguidades de Israel (IAA, na sigla em inglês) Nurit Feig em um comunicado à imprensa.

    "Sua decoração colorida se destaca, incorporando padrões geométricos e florais azuis, pretos e vermelhos. Uma descoberta especial foi o pequeno relicário, uma caixa de pedra usada para preservar relíquias sagradas", observou.

    Na década de 1960, uma igreja, datada do século VI, também foi descoberta na cidade, sendo um centro circassiano, segundo The Jerusalem Post.

    "Essa provavelmente era a igreja da vila, enquanto a igreja descoberta agora fazia provavelmente parte de um mosteiro contemporâneo nos arredores da vila", afirmou o professor Moti Aviam, do Kinneret Academic College, que colaborou na escavação.

    A descoberta pode revelar o possível papel da antiga vila cristã que existia na área durante o período bizantino, cujas pedras foram usadas pela tribo circassiana Shapsug, quando a vila foi estabelecida em 1876.

    Mais:

    Evidências sugerem superpotência semítica no norte da antiga Europa (FOTOS)
    Anzóis de 20.000 anos de antiga civilização são encontrados em Israel (FOTO)
    Descobertos selos de 2.500 anos que mostram reconstrução de Jerusalém (FOTO, VÍDEO)
    Tags:
    Galileia, Israel, arqueólogos, arqueologia, descoberta, igrejas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar