02:53 09 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    2172
    Nos siga no

    Pesquisadores no Brasil analisaram o anfíbio e chegaram a fortes evidências de que se alimentava emitindo veneno através de um processo semelhante ao das serpentes.

    Cientistas do Instituto Butantan estão teorizando que cobras-cegas (ou cecílias), anfíbios semelhantes a vermes e serpentes, poderiam ser os primeiros anfíbios peçonhentos, escreve o portal Science Alert.

    "Estes animais produzem dois tipos de secreções. Uma é encontrada principalmente na cauda que é venenosa, enquanto a cabeça produz um muco para ajudar a rastejar através da terra", diz o biólogo Carlos Jared, do Instituto Butantan no Brasil.

    "Como as cecílias são um dos vertebrados menos estudados, sua biologia é uma caixa de surpresas."

    Segundo nota o cientista sobre o estudo publicado na revista iScience, o grupo anfíbio surgiu há 250 milhões de anos, comparado com as serpentes, que apareceram há 100 milhões de anos.

    Imagem ampliada da boca de uma cecília anelada, Siphonops annulatus, revela glândulas dentais semelhantes às de cobras
    Caeciliano anelado (Siphonops annulatus)

    Pedro Luiz Mailho Fontana, da mesma instituição, encontrou as glândulas venenosas examinando uma cecília com anel morto (Siphonops annulatus) com análise microscópica, que revelou originar no tecido dentário, e não nas glândulas venenosas da pele das cecílias, semelhante às serpentes, mas inédito em anfíbios.

    Ainda falta descobrir e analisar as glândulas venenosas para perceber se realmente contêm veneno, mas a pesquisa é dificultada pela natureza reclusa das cecílias, que passam a maior parte do tempo escondidos debaixo da terra, e pela sua forma escorregadia.

    "Como as cecílias não têm braços ou pernas, a boca é a única ferramenta que eles têm para caçar", diz a bióloga evolutiva Marta Maria Antoniazzi, do Instituto Butantan, sugerindo que o veneno poderia ser uma arma do animal anfíbio.

    Se a existência de veneno for confirmada nas cecílias, elas se tornariam o mais antigo animal vertebrado terrestre com uma mordida venenosa.

    Uma cecília anelada, Siphonops annulatus. Nem cobras nem vermes, as cecílias são anfíbios semelhantes a serpentes e relacionados a sapos e salamandras
    Caeciliano anelado (Siphonops annulatus)

    "Talvez as cecílias representem uma forma mais primitiva de evolução da glândula venenosa", conclui Jared.

    Mais:

    Nova espécie de cobra é descoberta e suas escamas refletem arco-íris (FOTOS)
    Cobra muda de dieta, continua com veneno e surpreende comunidade científica
    Esqueleto de 'serpente bíblica' com patas é encontrado na Argentina
    Tags:
    Instituto Butantan, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar