11:19 26 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 51
    Nos siga no

    No fundo de uma caverna mexicana, pesquisadores encontraram fóssil de uma preguiça gigante que passou cerca de 40.000 anos descansando na gruta.

    Trata-se de uma espécie de preguiça gigante até então desconhecida, o que surpreendeu a equipe internacional de cientistas.

    A página oficial da Universidade da Califórnia em San Diego informou sobre o achado bizarro. Partes do esqueleto fossilizado de uma preguiça gigante passaram milhares de anos escondidas em um cenote da gruta Hoyo Negro, que faz parte de um sistema de cavernas localizadas na península de Yucatán.

    Em 2007, o enorme esqueleto do animal foi descoberto fragmentado, mas quase na sua totalidade pelos mergulhadores do Instituto Nacional de Antropologia e História do México (INAH). Ao longo dos anos tinham sido encontradas cada vez mais peças do quebra-cabeça que compõe a estrutura do animal gigantesco.

    Na sua missão mais recente, pesquisadores encontraram a articulação do quadril, um fragmento de 36 quilos e cerca de 1,2 metro de largura.

    1 / 2
    Mergulhadores levantam cuidadosamente a pélvis da preguiça gigante da gruta Hoyo Negro

    Graças a esta parte do esqueleto, e outras peças coletadas uma a uma do fundo da gruta submersa, foi possível identificar o animal. Segundo dados acumulados, o esqueleto pertence a uma espécie anteriormente desconhecida pela ciência denominada Nohochichak xibalbahkah, informa Universidade de Califórnia.

    Em língua maia, o nome significa "grande garra que vive no submundo" e se refere a uma preguiça gigante que podia pesar 900 quilos e que seria do tamanho de um elefante da atualidade.

    A preguiça gigante em questão dividia o continente americano com os tigres-dentes-de-sabre e mamutes-lanosos. A preguiça pré-histórica pode ter caído de uma altura de 30 metros, o que a fez morrer instantaneamente.

    Mais:

    Fósseis de 1.500 anos que teriam inspirado a lenda de Mulan são encontrados na Mongólia
    Estruturas incomuns são achadas em fósseis de 'estrelas e ouriços-do-mar' de 80 milhões de anos
    Fósseis de preguiças gigantes de 20.000 anos são encontrados no Equador (FOTOS)
    Tags:
    descoberta, arqueólogos, fósseis, preguiça gigante, México, animal extinto, animal
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar