10:43 25 Fevereiro 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 30
    Nos siga no

    A visualização divulgada, com função de realidade virtual, mostra os últimos 500 anos do buraco negro supermassivo Sagitário (Sgr) A*, que fica no centro da nossa galáxia.

    Quem quiser saber mais sobre o que existe no centro da Via Láctea poderá agora satisfazer sua curiosidade graças a uma nova visualização chamada Realidade Virtual do Centro Galáctico (Galactic Center VR), baseada em dados fornecidos por telescópios como o telescópio espacial Chandra de Raios X da NASA, e desenvolvida pelo Instituto Astrofísico da Pontifícia Universidade Católica de Chile, relata o portal Space.com.

    No vídeo, podemos testemunhar os últimos 500 anos do Sagitário (Sgr) A*, uma área de três anos-luz (cerca de 28 trilhões de km2) do buraco negro supermassivo localizado no centro da Via Láctea. A visualização foi baseada na modelagem de objetos conhecidos como estrelas Wolf-Rayet, já que as camadas externas de material que elas lançam periodicamente são capturadas pela gravidade do Sgr A*.

    "Quando os ventos das estrelas Wolf-Rayet colidem, o material é aquecido a milhões de graus por choques - semelhantes a barreiras sônicas - produzindo enormes quantidades de raios X", explicou a NASA.

    "O centro da galáxia está muito distante para o Chandra detectar exemplos individuais dessas colisões, mas o brilho geral dos raios X desse gás quente é detectável pela visão aguçada do Chandra".

    Uma visualização completa interativa está disponível nas plataformas Steam e Vivepoint, requerendo auscultadores de realidade virtual HTC Vive.

    Mais:

    Acordar do gigante: buraco negro supermassivo na Via Láctea estaria tornando-se cada vez mais ativo
    Colisão com galáxia poderia estar por trás do formato da Via Láctea (FOTO, VÍDEO)
    NASA registra sistema binário de estrelas se comportando de maneira bizarra
    Tags:
    NASA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar