03:35 03 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 20
    Nos siga no

    Todas as estrelas emitem diferentes quantidades de luz ao longo do tempo e o Sol não é exceção. As mudanças de luz podem nos ajudar a compreender o quão habitável é um planeta próximo dessa estrela.

    Um novo estudo, publicado no portal Science, demonstra que o Sol é significativamente menos ativo que outras estrelas semelhantes.

    Em muitos astros, a variação observada de luminosidade é determinada pelo campo magnético interno. Quando partes deste campo magnético se rompem na superfície de uma estrela, este fenômeno pode dar origem a regiões mais escuras, conhecidas como manchas estelares, ou regiões mais brilhantes nessa estrela, revela a publicação Newsweek.

    Conforme uma estrela gira em seu eixo, as regiões claras e escuras vão se alternando (da nossa linha de visão) e, como resultado, ocorre uma mudança periódica da luminosidade.

    Ao contrário de outros sistemas de estrelas, a luz emitida pelo Sol somente varia por uma fração percentual.

    Campo magnético do Sol
    © AP Photo / NASA / Goddard / CIL
    Campo magnético do Sol

    No entanto, até mesmo pequenas mudanças podem afetar o clima da Terra por décadas ou a composição química da atmosfera por dias ou meses.

    Desde que as manchas solares passaram a ser registradas, se provou que o Sol passa por um ciclo de 11 anos em que estas manchas alternadamente alcançam uma extensão máxima e, depois, virtualmente desaparecem.

    Quando estas manchas são mais prevalentes, o Sol é particularmente ativo - as erupções solares e ejeções de massa coronal são mais frequentes. Isto pode impactar a Terra, causando auroras boreais, assim como afetar satélites e cabos elétricos.

    Para os astrônomos, conforme uma estrela envelhece, sua rotação desacelera e se torna menos ativa magneticamente. Em algum momento, pode ocorrer uma transição para uma nova fase de baixa atividade, porém, não se sabe exatamente quando ocorre esta transição.

    Provavelmente, o Sol está se aproximando deste período.

    Mais:

    Nosso Sistema Solar 'tomou' asteroides do espaço interestelar, revela estudo
    IMAGENS raras revelam discos formadores de planetas em torno das estrelas
    Há 'seres semelhantes a deuses' voando perto do Sol, afirma famoso caçador de ETs
    Tags:
    ciência, estrelas, Sol, astronomia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar