23:40 20 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    180
    Nos siga no

    Astrônomos da NASA afirmam que asteroide 2020 HV4 irá passar pela órbita da Terra a uma velocidade superior a 36 mil quilômetros por hora no próximo dia 4.

    O diâmetro da pedra espacial está estimado entre 57 m e 132 m, podendo ser maior do que a torre do Big Ben, em Londres.

    A aproximação do asteroide da Terra se dará às 23h25 de Brasília nesta segunda-feira (4).

    Na ocasião, a distância entre ambos será de mais de 6,2 milhões de quilômetros, o equivalente a 16 vezes a distância entre a Terra e a Lua.

    Embora pareça muito, essa distância é considerada relativamente pequena para os padrões espaciais.

    Na apresentação gráfica publicada pela NASA é possível ver a localização aproximada do asteroide em relação à Terra.

    Observação dos céus

    O 2020 HV4 não apresenta nenhuma ameaça iminente ao Planeta Azul, entretanto os astrônomos mantêm sob observação cerca de 2 mil asteroides próximos da Terra.

    O trabalho é feito com diferentes tipos de telescópios e serve tanto para detectar ameaças quanto para pesquisar melhor o espaço.

    Como medida de segurança, a NASA pretende em breve lançar uma missão espacial para atuar sobre asteroides com o intuito de aperfeiçoar métodos de prevenção de colisões que poderiam ser catastróficas para a humanidade.

    Mais:

    Surge nova teoria sobre 'queda de meteorito' desprovida de pistas espaciais na Sibéria
    O melhor do espaço em imagens esplendorosas do mês de abril
    EUA podem exercer 'domínio eminente' sobre espaço, insinua ordem executiva de Trump, diz professor
    Tags:
    Espaço, risco de colisão, colisão, Terra, asteroide
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar