17:24 03 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    1100
    Nos siga no

    Cientistas realizaram um estudo da galáxia mais longínqua que se conhece e descobriram que é muito mais antiga do que se pensava antes.

    Cientistas da Universidade de Copenhague, Dinamarca, realizaram uma pesquisa e concluíram que a galáxia conhecida mais longínqua se formou 1,5 bilhão de anos depois do Big Bang. Isso é um bilhão de anos mais cedo do que tinham mostrado as pesquisas anteriores. A descoberta da galáxia pode levar à mudança da atual compreensão sobre a evolução do Universo, informa o portal EurekAlert!.

    Este massivo sistema de estrelas pertence ao tipo de galáxias que estão morrendo, o que significa que os processos da formação de estrelas nela pararam. A galáxia é mais massiva do que a Via Láctea e inclui mais de um trilhão de estrelas.

    Além disso, a galáxia tem um núcleo formado. Isto indica que, quando tais sistemas estelares estavam "vivos", os processos que ocorriam neles não eram tão ativos quanto em muitas outras galáxias daquela época.

    Os pesquisadores ainda não sabem por que razão as galáxias morrem. Por exemplo, a Via Láctea até agora está viva, ou seja, nela estão nascendo lentamente estrelas novas. No entanto, a galáxia M87, que é localizada relativamente perto, já está morta. Segundo cientistas, isso pode estar relacionado com a presença de um ativo buraco negro supermassivo no núcleo.

    Imagem do buraco negro no centro da galáxia M87, captada pelo projeto Event Horizon Telescope (Telescópio de Horizonte de Eventos)
    Imagem do buraco negro no centro da galáxia M87, captada pelo projeto Event Horizon Telescope (Telescópio de Horizonte de Eventos)

    No futuro, os astrônomos planejam obter mais dados sobre as galáxias normais para saber que razões as forçam a parar de formar estrelas novas.

    Mais:

    Cientistas encontram nova ameaça ao clima da Terra
    FOTOS incríveis do outro lado da Lua são reveladas pela China
    NASA posta FOTO da Terra e deixa terraplanistas enfurecidos
    Tags:
    Via Láctea, Universo, Espaço, galáxias, galáxia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar