05:06 21 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    190
    Nos siga no

    O telescópio Hubble da NASA encontrou uma galáxia espiral gigante, conhecida como UGC 2885, que seria é a maior do Universo. A galáxia é uma gigante com um buraco negro supermassivo adormecido em seu centro.

    A UGC 2885, também conhecida como galáxia Rubin, possui 463.000 anos-luz de diâmetro, sendo aproximadamente 2,5 vezes maior que a Via Láctea e possuindo aproximadamente 10 vezes mais estrelas.

    Benne Holwerda, astrônomo responsável por estudar a gigante galáxia, afirmou que ainda não sabe como a galáxia ficou tão grande assim.

    Galáxia espiral UGC 2885
    Galáxia espiral UGC 2885

    A rotação da galáxia foi medida pela astrônoma Vera Rubin na década de 1980 e, por isso, a galáxia foi nomeada em sua homenagem, segundo a NASA.

    Perante o grande mistério de como a galáxia ficou tão grande, Holwerda e sua equipe pretende estudar o agrupamento de estrelas em seu interior, na esperança de encontrar evidências que expliquem este fenômeno.

    Mais:

    Fogo seria mais perigoso no espaço do que na Terra, segundo experimento da NASA (FOTO)
    NASA compartilha FOTO de geoglifo misterioso em planalto australiano
    NASA identifica asteroide 'potencialmente perigoso' se aproximando da Terra
    Tags:
    galáxias, estudo, telescópio, hubble, NASA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar