14:47 20 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Fósseis de dinossauro (imagem referencial)

    Dragão de ferro: achado fóssil de gigantesco voador pré-histórico na Austrália (FOTOS)

    © Fotolia / Ramirezom
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 72
    Nos siga no

    O animal teria envergadura de asa de quatro metros, cabeça com crista de 60 centímetros de largura e mandíbulas enormes com dentes afiados.

    Encontrado o esqueleto parcial de um réptil voador gigante de mais de 90 milhões de anos. Paleontólogos o identificaram como uma nova espécie de pterossauro, a qual denominaram Ferrodraco lentoni, ou "dragão de ferro", em latim.

    Os primeiros fragmentos foram encontrados no início de 2017 por um criador de ovelhas chamado Bob Eliot, em uma granja do estado australiano de Queensland. Após alertar o museu local, um grupo de voluntários iniciou o processo de escavação.

    O fóssil está longe de ser um esqueleto completo, mas inclui fragmentos das mandíbulas superior e inferior, cinco ossos parciais do pescoço, frações de ambas as asas e dezenas de dentes, conforme descreveu o estudo publicado na revista Scientific Reports.

    ​Uma doutoranda examinou os ossos fossilizados de um réptil voador recém-descoberto. Adele Pentland está coordenando a equipe de pesquisa que investiga o Ferrocraco lentoni, um pterossauro de 96 milhões de anos.

    O Ferrodraco lentoni é o espécime de pterossauro mais completo já encontrado na Austrália, e se destaca por estar excepcionalmente bem conservado.  

    "Encontramos a maior parte do crânio e identificamos 40 dentes nos fragmentos presentes na área. Ele provavelmente caminhava sobre quatro patas e era realmente diferente de qualquer animal que conhecemos hoje em dia", elucidou a pesquisadora Adele Pentland, coordenadora da equipe de pesquisa na Universidade de Swinburne.

    Os pesquisadores calculam que o animal tenha envergadura de quatro metros, cabeça com crista de 60 centímetros de largura e mandíbulas enormes com dentes afiados.  

    A paleontóloga explicou que o réptil voador viveu na região há aproximadamente 96 milhões de anos "em um bosque de coníferas com rios e planícies aluviais".

    Mais:

    Primeiros dragões eclodem no sul da Europa
    Que é isso? Fósseis de um 'dragão' são encontrados na China (VÍDEO)
    Dragões e grifos misteriosos são encontrados nas montanhas da Rússia (FOTOS)
    Tags:
    dragão, dinossauro, arqueologia, Austrália
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar