19:21 26 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    2200
    Nos siga no

    Um meteorito encontrado em 1951 foi analisado por cientistas australianos, tendo estes encontrado um mineral completamente desconhecido da ciência até agora, informa a revista científica American Mineralogist.

    O mineral encontrado provavelmente provém do núcleo fundido de um planeta antigo, segundo os resultados das pesquisas publicadas na revista.

    Durante décadas, os cientistas tentaram descobrir o segredo de um meteorito caído na Terra há mais de meio século. Recentemente, os pesquisadores australianos decidiram analisar este objeto de reflexos vermelhos e pretos com 210 gramas, encontrado no sudeste da Austrália em 1951. Eles descobriram um mineral não conhecido até agora.

    Cientistas confirmam a descoberta de um mineral nunca encontrado antes na natureza

    Conheça o edscottite.

    A descoberta foi chamada de edscottite - em honra de Edward Scott, cientista da Universidade do Havaí. Segundo as hipóteses preliminares dos cientistas, este mineral é composto por átomos de ferro e de carbono dispostos de certo forma durante o processo de cristalização. Isso significa que está no estado em que o metal passa do estado de fusão para sólido.

    Provavelmente o objeto provém do núcleo fundido de um planeta antigo.

    Os especialistas estimam que o meteorito se tenha formado no início da existência do Sistema Solar, representando um "germe de planeta", que não podia se tornar um corpo celeste. Segundo a teoria atual, este meteorito se desintegrou depois da colisão com outro objeto espacial, tendo os destroços caído no cinturão de asteroides e sido atraídos por outros planetas e satélites.

    Um deles finalmente alcançou a Terra.

    Mais:

    'Vida ou morte': especialista alerta sobre chance real de impacto de asteroide
    Possível sítio da aparição de Jesus Cristo após ressurreição é descoberto em Israel
    Hubble tira FOTO da nebulosa planetária que poderá representar futuro do Sistema Solar
    Tags:
    meteorito, Austrália, cientistas, mineral
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar