07:21 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Geleiras da Antártida

    FOTOS da NASA trazem à tona meio século de derretimento de geleiras na Groenlândia

    © Sputnik / Aleksandr Solovsky
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    141
    Nos siga no

    Imagens de satélite comparativas, tiradas em 1972 e 2019, exibem cinco décadas de diferença e as mudanças que a superfície de gelo e neve sofreu numa zona costeira do sudeste da Groenlândia.

    "As frentes de gelo recuaram, os picos rochosos estão mais expostos, menos icebergs derivam para o oceano: a rede de ramificação dos glaciares que desaguam no fiorde de Sermilik da Groenlândia mudou significativamente no último meio século", escreve a NASA ao publicar as fotos.

    Durante os 47 anos que separam as fotografias, Helheim, uma das maiores geleiras da ilha, recuou cerca de 7,5 km, fazendo desaparecer o gelo de um fiorde (vale rochoso inundado pelo mar) que antes ocupava. Midgard, localizada a leste, perdeu 16 km do seu fiorde.

    As geleiras parecem cinza-acastanhadas nesta imagem de satélite Landsat 8 colorida de 12 de agosto de 2019.

    Geleiras Helheim, Fenris e Midgard, no sudeste da Groenlândia, capturadas pela NASA em 1972
    © NASA . Christopher Shuman
    Geleiras Helheim, Fenris e Midgard, no sudeste da Groenlândia, capturadas pela NASA em 1972

    De acordo com a publicação da agência espacial americana, a cor mais escura da imagem do gelo contemporâneo indica que a superfície derreteu, permitindo a concentração de partículas de poeira e rocha.

    Geleiras Helheim, Fenris e Midgard, no sudeste da Groenlândia, capturadas pela NASA em agosto de 2019
    © NASA . Christopher Shuman
    Geleiras Helheim, Fenris e Midgard, no sudeste da Groenlândia, capturadas pela NASA em agosto de 2019

    Além disso, o declínio e a extinção das geleiras menores abrem maciçamente a crosta que as sustenta, diz Christopher Shuman, um glaciólogo do Centro de Voos Espaciais Goddard da NASA.

    Região de águas abertas na parte da frente da geleira Helheim, na Groenlândia, 15 de agosto de 2019
    © NASA . Josh Willis
    Região de águas abertas na parte da frente da geleira Helheim, na Groenlândia, 15 de agosto de 2019

    "Todas essas pequenas geleiras estão sendo atingidas, assim como as maiores. Há muitos exemplos de mudança apenas nesta área", resume Shuman.

    Mais:

    Ursa Polar enfrenta geleira em ruínas para encontrar filhote (FOTO)
    NASA expõe FOTOS chocantes da 1ª geleira islandesa declarada morta
    'Diante de catástrofe': como geleiras da América do Sul são ameaçadas de morte
    Tags:
    derretimento, Groenlândia, geleira, NASA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar