11:00 15 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Subida mecânica em meio à Lua cheia perto da cordilheira de Aroania, na Grécia

    NASA exibe FOTOS impressionantes de Lua se tornando mais brilhante que Sol

    © REUTERS / Alkis Konstantinidis
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    132
    Nos siga no

    Se o olho humano fosse capaz de observar os raios gama de alta energia, a Lua iria parecer mais brilhante do que o Sol, diz a NASA.

    A agência espacial norte-americana divulgou recentemente fotos fascinantes feitas pelo telescópio Fermi, que tem estado analisando a Lua, em particular as rajadas de partículas causadas pelo impacto dos raios gama.

    Segundo a NASA, a observação dos raios gama não é suficientemente sensível para ver claramente a forma do nosso satélite ou as suas caraterísticas de superfície.

    O telescópio espacial Fermi de raios gama detecta um brilho radiante centrado na posição da Lua no céu, destaca a agência espacial.

    Agência espacial anunciou planos de enviar humanos à Lua até 2024 através do programa Artemis, com o objetivo posterior de enviar astronautas para Marte.

    Com os olhos do [telescópio] Fermi da NASA postos nos raios gama da Lua, a NASA pode preparar astronautas contra radiação de alta energia quando enviar humanos de volta à Lua em 2024.

    As observações de raios gama servem para nos lembrar que ao viajar à Lua os humanos devem ser protegidos contra os mesmos raios cósmicos que produzem radiação gama de alta energia, adverte a NASA.

    Mais:

    Júpiter teria 'engolido' outro planeta grande, alegam cientistas
    NASA monitora asteroide que pode provocar caos na Terra em 2020
    Tags:
    raios cósmicos, NASA, Sol, Lua
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar