21:44 06 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 10
    Nos siga no

    Pesquisadores fizeram uma descoberta aterrorizante quando viram como as cigarras, estavam tentando freneticamente espalhar sexualmente uma doença fúngica, mesmo após a doença ter consumido seus órgãos genitais.

    Os biólogos da Universidade de Virgínia Ocidental descobriram um parasita fúngico que produz uma série de substâncias alucinógenas e faz com que suas vítimas se tornem em "insetos voadores zumbis", tentando acasalar com tudo o que mexe, mesmo depois de a doença fúngica ter consumido totalmente seus órgãos genitais, informou o Science Daily.

    "Eles são zumbis só no sentido de que o fungo está controlando seus corpos", explicou o doutor Matt Kasson, cientista de plantas e solos e um dos coautores da pesquisa.  

    Fungo controla o comportamento dos insectos

    Massospora é uma espécie de fungo mortífero, e se diz que ela contém uma substância psicoativa parecida aquelas que podem ser encontradas nos cogumelos alucinógenos, fazendo com que as cigarras machos continuem voando se contorcendo por aí e tentando infetar outros insetos, incluindo machos, muito tempo após de o fungo ter começado a destruir seus corpos.

    Os esporos, que são conhecidos como conidia, se espalham a partir dos órgãos genitais durante o acasalamento e o voo.

    Pensa-se que as cigarras ficam infeccionadas pelo fungo durante seu estado larvar no subsolo, que às vezes pode durar mais de uma década. Antes de morrerem elas vêm à superfície por um período de apenas algumas semanas.

    "As cigarras adultas infetadas mantêm ou aceleram sua atividade receptiva, permitindo assim um rápido alastramento da doença antes de o indivíduo infetado morrer," destacou Kasson.

    "Eles também entram em comportamentos hipersexuais, a Massospora apodera-se [do corpo] das cigarras, as transformando em vetores eficazes para transmissão de conidia", disse o cientista.

    Esta descoberta fascinante, mas um tanto assustadora, é um novo exemplo do fenômeno em que os parasitas controlam o comportamento dos indivíduos infetados.

    Mais:

    Biólogos desvendam enigma da toxicidade das 'algas zumbi'
    Biólogos desvendam enigma de formigas que colecionam 'crânios' de inimigos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar