21:26 20 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Aplicativo de instagram (foto referencial)

    Dados de cerca de 50 milhões de usuários do Instagram teriam ido parar na web

    CC0 / Pixabay
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 21
    Nos siga no

    ma grande base de dados do Instagram, com cerca de 49 milhões de bloggers, personalidades e marcas, se tornou disponível no serviço de armazenamento Amazon Web Services, informou a TechCrunch.

    A base de dados, que inclui cerca de 49 milhões de perfis do Instagram de pessoas que têm uma influência considerável na Web, foi publicada na Internet. Os usuários tiveram acesso livre aos dados, fotos e número de seguidores, assim como à localização por país e cidade, afirmou o portal TechCrunch.

    Além disso, outra informação privada, tais como endereços eletrônicos e números dos celulares, também foi revelada, acrescentou o portal.

    A base de dados aponta para a empresa de marketing de mídias sociais Chtrbox, sediada em Mumbai. A empresa promove diferentes artigos na Internet.

    O Facebook, que detém o Instagram, comentou sobre a situação dizendo que está efetuando uma investigação desse incidente.

    "Nós estamos considerando esse assunto para entender se os dados descritos, incluindo endereços eletrônicos e números de celulares, foram do Instagram ou de outras fontes de informação. Nós também questionando a Chtrbox para entender de onde esses dados apareceram e como viraram disponíveis publicamente", diz o comunicado da rede social.

    Mais:

    Facebook e Instagram apresentam defeitos e estão fora do ar
    Instagram, Facebook, WhatsApp teriam parado de funcionar na Europa
    Facebook bane grupos britânicos de extrema-direita: 'Proclamam missão violenta ou odiosa'
    Tags:
    web, Facebook, rede social, Internet, Instagram
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar