08:16 20 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Fobos, satélite de Marte

    NASA revela colagem de FOTOS da lua de Marte que mais parece 'quebra-queixo' colorido

    © Foto/ NASA/JPL-Caltech/University of Arizona
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    122
    Nos siga no

    A agência espacial norte-americana partilhou fotos, captadas pela sonda espacial Mars Odyssey, de Fobos, um satélite de Marte, durante a fase da Lua Cheia.

    Em imagens divulgadas recentemente, Fobos se parece com um "quebra-queixo colorido como arco-íris" e os cientistas acreditam que isso irá ajudar a compreender melhor a história do satélite de Marte.

    É a primeira foto deste tipo captada pela sonda espacial Mars Odyssey, que mostra a variação da temperatura de Fobos, registrada por meio de uma câmera especial de visão térmica. Cada cor representa uma certa temperatura.

    Essas informações poderão ajudar os cientistas a perceber melhor de que matéria é composta a maior das duas luas de Marte.

    É um quebra-queixo arco-íris? Não exatamente. A sonda espacial Mars Odyssey captou pela primeira vez Fobos, uma das luas de Marte, durante a fase de Lua Cheia. Cada cor representa uma variação de temperatura detectada pela câmera de infravermelhos.

    A sonda tem estado investigando o satélite Fobos desde setembro de 2017, apesar de estar orbitando o Planeta Vermelho desde 2001. Esta missão de investigação de Marte da NASA é considerada a mais prolongada. A câmera, designada Sistema de Imagens de Emissões Térmicas (THEMIS, na sigla em inglês) e instalada na sonda espacial, consegue captar as mudanças térmicas da superfície de Marte dependendo da sua estrutura e dos minerais presentes.

    O cientista da NASA Jeffrey Plaut, que está trabalhando neste projeto no Laboratório de Propulsão a Jato em Pasadena, na Califórnia, disse que esta nova foto é uma imagem térmica muito precisa – mostra a região mais quente no centro e as zonas mais frias nas margens.

    De acordo com ele, a sonda faz observações de vários ângulos e em diferentes alturas do dia, obtendo desta maneira uma imagem mais completa.

    "Com imagens de só um lado da lua, podíamos ver quão rugosa ou lisa é a superfície, e como são as camadas. Agora estamos coletando informações para saber de que minerais é formada, incluindo metais", disse outro investigador da THEMIS, Joshua Bandfield, citado pela NASA.

    "Investigando as características da superfície, conseguimos obter informações sobre quais são os lugares rochosos em Fobos e quais são as superfícies cobertas de poeira fina. A identificação dos perigos de aterrissagem e o conhecimento sobre o ambiente espacial podem ajudar missões futuras a pousar na superfície", destacou Bandfield.

    Dois dos metais encontrados são o ferro e o níquel. A informação sobre o teor destes minerais poderia dar uma pista aos investigadores sobre o passado de Fobos e tentar perceber se se formou a partir de um asteroide ou de fragmentos de Marte projetados para o espaço na sequência de uma colisão muito tempo atrás.

    Mais:

    Migração para Marte é única opção para sobrevivermos, adverte 2º homem a andar na Lua
    Cientista da NASA afirma que existe vida em Marte
    Colonização de Marte é cancelada? Cientistas revelam porque Planeta Vermelho é tão árido
    Tags:
    lua, NASA, Marte, satélite, Fobos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar