08:51 15 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Domus Transitoria com 2.000 anos de idade localizado na colina do Palatino

    Primeiro palácio de Nero de 2.000 anos de idade é reaberto para turistas (FOTOS)

    © AP Photo / Alessandra Tarantino
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    180
    Nos siga no

    O primeiro palácio do imperador Nero, localizado na colina do Palatino, foi reaberto em Roma nesta sexta-feira (13), informa AP.

    Nero assumiu o poder em 54 d.C. e construiu o palácio, conhecido também pelo seu nome latino, Domus Transitoria, por volta de 60. O nome da casa deriva do fato de ligar as propriedades imperiais no Palatino com as possessões na colina vizinha do Esquilino.

    Pessoas entram na Domus Transitoria, o primeiro palácio do imperador romano Nero
    © AP Photo / Alessandra Tarantino
    Pessoas entram na Domus Transitoria, o primeiro palácio do imperador romano Nero

    O Grande Incêndio de Roma no ano 64 destruiu completamente o palácio e duas décadas depois, durante a construção do Palácio Flávio, o edifício ficou completamente enterrado, de modo que por muitos séculos foi considerado perdido até que foi descoberto no século XVIII.

    Dentro do palácio Domus Transitoria com 2.000 anos de idade
    © AP Photo / Alessandra Tarantino
    Dentro do palácio Domus Transitoria com 2.000 anos de idade

    O monumento renovado é o ponto de partida para uma nova rota dedicada a este imperador, o "Caminho Neroniano", uma nova rota turística que o liga à grandiosa e extravagante Domus Aurea, o segundo palácio de Nero.

    A Domus Transitória ficou completamente coberta de terra após a sua destruição, por isso está agora localizada em uma gruta artificial construída nos anos 60. A restauração começou há dez anos e cobriu todas as superfícies do monumento, explicam especialistas.

    A Domus Transitória ficou completamente coberta de terra após a sua destruição, mas o edifício restaurado contém  muitos tesouros históricos
    © AP Photo / Alessandra Tarantino
    A Domus Transitória ficou completamente coberta de terra após a sua destruição, mas o edifício restaurado contém muitos tesouros históricos

    O edifício restaurado contém frescos bem preservados e outros elementos decorativos notáveis. Por exemplo, nas paredes do santuário das ninfas há nichos através dos quais, no tempo de Nero, caíam pequenas cachoeiras.

    Mais:

    Arqueólogos encontram esqueleto de ancestral de 6,5 mil anos atrás na Alemanha (FOTOS)
    Raro tesouro com nome bíblico é encontrado por arqueólogos em Jerusalém (FOTOS)
    Arqueólogos descobrem 3 tumbas de civilização antiga no Peru (FOTOS)
    Tags:
    palácio, antiguidade, restauração, turistas, Itália
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar