22:05 23 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Motor de foguete na empresa de engenharia aeroespacial russa NPO Energomash (foto de arquivo)

    Chefe da Roscosmos revela interesse de países da OTAN nos motores de mísseis russos

    © Foto: NPO Energomash
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    3130

    Há países da OTAN demostrando interesse em adquirir motores de mísseis espaciais, afirmou o chefe da Corporação Estatal de Atividades Espaciais da Rússia (Roscosmos), Dmitry Rogozin, a repórteres.

    "Agora há outros governos — exceto os EUA, inclusive países da OTAN, interessados em adquirir motores de mísseis da Rússia", disse.

    Rogozin observou que a Rússia não procura romper os laços com países ocidentais e apoia a ideia de manter cooperação internacional no espaço, que, segundo ele, é um elemento essencial da diplomacia.

    Para Rogozin, trata-se de um "ótimo indicador de que, no contexto de sanções e pressão, a Rússia continua exportando produtos de alta tecnologia, e na área de motores de mísseis, continua sendo líder global", acrescentou o chefe da Roscosmos.

    O chefe da Corporação Estatal de Atividades Espaciais da Rússia (Roscosmos) ressaltou que isso é valioso para a Rússia, pois traz benefícios ao país e que o rendimento dessas exportações é usado para novos desenvolvimentos no setor espacial.

    Mais:

    Em direção à Lua, Roscosmos fará pedido de US$ 22,6 bilhões ao governo da Rússia
    'Pequena guerra' à vista? Chefe da Roscosmos explica para que precisa de 10 caças
    Rússia terá base permanente na Lua, revela chefe da Roscosmos
    Tags:
    liderança global, motores, espaço, OTAN, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar