21:30 20 Abril 2019
Ouvir Rádio
    Buraco negro

    Cientistas dão alerta sobre milhões de buracos negros mortais em torno do Universo

    © AFP 2019 / EUROPEAN SOUTHERN OBSERVATORY - M. KORNMESSER
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    3170

    O Universo possui mais de 100 milhões de buracos negros “calmos”, segundo astrônomos, que alertam para a descoberta de um mastodonte negro “escondido” atrás de uma nuvem de gás.

    Buracos negros são objetos muito densos que a atração gravitacional é tão forte que nem mesmo a luz consegue escapar.

    Recentemente, cientistas japoneses encontraram um desses monstros escondido tranquilamente próximo de um buraco negro supermassivo no centro da nossa galáxia.

    Esse buraco possui uma "massa intermediária" e foi descoberto ao analisar o comportamento de uma nuvem de gás que está sendo comida. Entretanto, ao mesmo tempo no futuro, o monstro será engolido por um buraco negro supermassivo no centro da Via Láctea.

    "Detalhes das análises revelaram que uma grande massa, 30 mil vezes maior do que a do Sol, se concentrou em uma região menor do que a do Sistema Solar", afirmou Shunya Takekawa no Observatório Nacional Astronômico do Japão.

    Essa ausência de qualquer observação no objeto, que se localiza no local, fortemente sugere um buraco negro de massa intermediária. Analisando outras nuvens estranhas, esperamos expor outros buracos negros "calmos", segundo o portal Metro.

    Já o professor da Universidade de Keio e um dos chefes da equipe, Tomoharu Oka, adicionou que é "significante que este buraco negro de massa intermediária tenha sido encontrado a apenas 20 anos-luz do buraco negro supermassivo no centro da galáxia".

    No futuro, ele vai cair dentro do buraco negro supermassivo, assim como o gás que está caindo agora, o que suporta o modelo de fusão do crescimento do buraco negro, concluiu o professor. 

    Mais:

    Onde tempo corre ao contrário: poderíamos algum dia presenciar 'irmão' do Universo?
    FOTO incrível do telescópio Hubble registra profundamente o Universo
    Acelerador de partículas ainda maior poderia detalhar Universo como nunca antes
    Tags:
    cientistas, astrônomo, mortal, buraco negro, planeta, Universo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar