21:53 15 Julho 2018
Ouvir Rádio
    A Terra (imagem referencial)

    Astrônomo revela quando sonda espacial soviética cairá na Terra

    CC BY 2.0 / Kevin Gill / Terra
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 20

    Uma sonda espacial lançada pela União Soviética em 1972 para explorar a superfície de Vênus cairá na Terra entre 2023 e 2025, disse à Sputnik o astrônomo Pavel Shubin.

    Trata-se da sonda Kosmos-482, de desenho idêntico ao da Venera-8, a primeira sonda robótica a aterrissar em Vênus.

    A sonda Venera-8 foi lançada pela União Soviética em 27 de março de 1972. Quatro dias depois, o país fez a tentativa de lançar uma sonda "gêmea", mas ao ligar o bloco acelerador, que devia levar a sonda à trajetória de voo interplanetária, ocorreu um problema técnico e o motor parou. Assim, a sonda ficou orbitando a Terra. Para não denunciar o fracasso, a sonda Venera-9 passou a ser designada Kosmos-482.

    Por sua vez, a Venera-8 aterrissou em Vênus e, pela primeira vez na história de humanidade, transmitiu informação científica sobre a superfície do planeta.

    "A nave Kosmos voltará à Terra nos próximos quatro-sete anos", contou Shubin após analisar as mudanças da órbita elíptica e o estado da atmosfera terrestre.

    Durante as últimas cinco décadas, segundo o astrônomo, o apogeu da sua órbita baixou de 9.800 para 2.400 quilômetros.

    O módulo de pouso, que pesa meia tonelada, é um dos mais resistentes feito até agora e alcançará certamente a superfície terrestre.

    Por enquanto, não se sabe onde cairá a sonda, mas a previsão é que seja em uma zona entre 52 graus de latitude norte e 52 graus de latitude sul.

    Mais:

    Que formas de vida poderiam habitar em outros planetas do nosso Sistema Solar? (FOTOS)
    Cientistas da NASA predizem destino 'infernal' para Terra
    Rússia e EUA trabalham em planos para uma missão conjunta para Vênus
    Tags:
    Vênus, planeta, sonda, terra, União Soviética, Espaço
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik