18:57 19 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Lua de Sangue no céu de Moscou em 15 de junho de 2011

    Prepare-se para 'Lua de Sangue', o eclipse lunar mais longo do século XXI (FOTOS)

    © Sputnik / Aleksandr Vilf
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    2265

    O fenômeno coincidirá com outro evento espacial, conhecido como a oposição de Marte, que o tornará mais brilhante e maior.

    Na noite de 27 de julho terá lugar o eclipse lunar mais longo do século XXI, oferecendo aos moradores da Terra a possibilidade de observar uma espetacular "Lua de Sangue", comunica o portal Popular Mechanics.

    As zonas brancas indicam os melhores pontos para observar o eclipse lunar em 27 de julho de 2018
    As zonas brancas indicam os melhores pontos para observar o eclipse lunar em 27 de julho de 2018

    O fenômeno astronômico, que ocorre quando a Terra se interpõe entre o Sol e a Lua, durará uma hora e 43 minutos. Ademais, haverá eclipses parciais de uma hora e 6 minutos de duração nos momentos prévios e posteriores, assim, o "espetáculo" completo vai prolongar-se por 3 horas e 55 minutos, detalha o site earthsky.com.

    Será possível apreciar a fase completa do eclipse na maior parte do Hemisfério Oriental, enquanto os países da América do Norte não terão essa oportunidade. Entretanto, na Austrália será vista sua fase inicial e os países da América Latina observarão a última parte do fenômeno.

    Fases do eclipse lunar
    Fases do eclipse lunar

    A "Lua de Sangue" alcançará seu ponto máximo às 20h21 GMT (14h21 horário de Brasília). Os turistas e aficionados que se encontram visitando a Copa do Mundo 2018 na Rússia terão oportunidade de aproveitar o apogeu do eclipse às 23h21 horário de Moscou (19h21 horário de Brasília).

    Mais:

    Brasil estará entre poucos países que verão eclipse solar hoje. Não perca!
    'Vêm à luz' as consequências inesperadas do eclipse solar
    Bíblia lança luz sobre o primeiro eclipse solar
    'Intruso' penetra em frente do eclipse solar (FOTOS, VÍDEO)
    Site da NASA se recupera após 'apagão' durante eclipse
    Tags:
    fenômeno, eclipse, espaço, NASA, Terra, Lua, América Latina
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik