15:58 21 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Vírus

    No DNA humano da Idade do Bronze foi encontrado vírus mortal

    CC0 / typographyimages/Pixaby / Vírus
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    150

    Uma equipe de cientistas dinamarqueses encontrou vestígios de hepatite B no DNA humano que data da Idade do Bronze, há 4.500 anos, informou o portal Science Alert.

    Segundo o portal, trata-se do testemunho mais antigo da existência desse vírus.

    Anteriormente, a evidência mais antiga de hepatite B encontrada até agora, anunciada no início deste ano, tinha apenas quatro séculos e meio de antiguidade e foi detectada nos restos de uma criança que viveu na Itália medieval.

    O grupo de cientistas, encabeçado pelo geneticista Eske Willerslev, da Universidade de Copenhague e seus colegas Universidade de Cambridge, analisou os genomas de 304 indivíduos que viveram no período entre 7.000 e 200 anos atrás e encontraram sinais do vírus da hepatite B em 25 desses indivíduos. 

    A técnica de extração de genes usada pelos cientistas permitiu também revelar que uma possível rota de migração da devastadora Praga de Justiniano, que assolou o Império Bizantino no século VI, teve origem na Mongólia.

    Mais:

    Washington cancela proibição de experimentos com vírus mortais
    Tags:
    hepatite, Idade de Bronze, cientistas, DNA, Europa
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik