09:14 20 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Baratas

    Baratas podem ser a solução para os problemas ecológicos do planeta

    © Sputnik / Ratushenko
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    5160

    Um fazendeiro chinês está criando 300 milhões de baratas para consumir lixo. Em um dia, as baratas consomem 15 toneladas de resíduos, um quarto do lixo produzido pelo distrito de Zhangqiu, na província de Henan, onde vive o agricultor. Estaria a humanidade pronta para superar o preconceito contra os insetos para salvar o planeta?

    Como disse o jornal South China Morning Post, Li Yanrong deixou o seu antigo emprego para construir uma fazenda de baratas num curioso sistema de eliminação de resíduos orgânicos.

    Yanrong disse que o uso de milhões de baratas com fome pode eliminar muito lixo, porque "elas não tem medo de nada. "Elas encaram o suave, o duro, o amargo, o doce, ou o picante". 

    Elas comem tudo.

    Este agricultor passou sete anos criando baratas, até perceber que eles são capazes de se alimentar de resíduos, digerir e excretar as toxinas de elementos tóxicos como o zinco ou ferro. É um processo muito mais ecológico do que a fermentação tradicional, um método mais caro, ineficiente e poluente.

    De acordo com o jornal, Yanrong pretende criar 4 bilhões de baratas para processar 200 toneladas de comida por dia. Isso seria suficiente para processar todos os alimentos que o seu distrito e as cidades vizinhas geram diariamente.

    Mais:

    Lixo espacial poderia ajudar-nos a encontrar alienígenas
    Lixo espacial: por que Pentágono está desistindo do sistema GPS?
    É assim que China planeja eliminar lixo espacial
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik