15:14 16 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Aranha Chimerarachne yingi encontrado do Mianmar

    Cientistas encontram espécie antiga de 'aranhas-quimeras'

    © REUTERS / Universidade do Kansas
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    220

    Pesquisadores da Universidade de Kansas encontraram nova espécie de aranhas antigas que tinham caudas.

    O artrópode recebeu nome Chimerarachne yingi em homenagem ao monstro Quimera da mitologia grega. Os artrópodes recém-descobertos até hoje em dia podem habitar florestas do Sudeste Asiático.

    Segundo comunica a BBC News, a aranha foi encontrada em uma peça âmbar do Mianmar e tem idade de 100 milhões de anos. O artrópode era contemporâneo dos dinossauros do Cretácio.

    Sua caraterística especial é um pequeno torniquete que fica na parte traseira do abdômen. De acordo com cientistas, a aranha usava torniquete como órgão tático para apalpar objetos ao seu redor. Chimerarachne yingi tem 2,5 mm de comprimento, sem levar em consideração a cauda de 3 mm.

    As aranhas atuais não têm "cauda", mas algumas representantes da classe aracnídeos têm. Paleontólogos já descobriram espécies mais antigas (que viveram 380-200 bilhões anos atrás) que também tinham torniquete, mas não dispunham de apêndices característicos de aranhas, órgãos, responsáveis pela produção da teia. Sendo assim, Chimerarachne yingi são um elemento de ligação entre aranhas e seus antepassados da época do Paleozoico.

    Mais:

    Encontradas 18 novas espécies de aranha com aparência de pelicano (FOTOS)
    Encantador e extremamente perigoso: é o raríssimo raio aranha (VÍDEO)
    Tags:
    paleontologia, aranhas, Mianmar
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik