22:24 16 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Cidade marciana (imagem ilustrativa)

    Quando começa missão dos primeiros colonizadores de Marte?

    © Fotolia / Algol
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    391

    Há vários programas para desvendar segredos de mundos longínquos que nos rodeiam. Parece que o planeta mais adequado para que os primeiros passos de terráqueos sejam dados é Marte. Então, quando os seres humanos colonizarão Planeta Vermelho?

    Um desses programas é Mars One, que faz parte do programa nacional espacial dos Emirados Árabes Unidos, e cujo objetivo é explorar completamente terras marcianas. Recentemente, seu diretor executivo, Bas Lansdorp, revelou planos ambiciosos ao anunciar a data exata do início da colonização espacial. Spoiler: está marcada para 2032.

    Segundo ele declarou, citado pelo jornal Khaleej Times, o projeto já recebeu quase todo o necessário e sua nova fase será iniciada em 2019.

    No total, o projeto recebeu mais de 200 mil requisições de pessoas que querem se mudar para o Planeta Vermelho.

    "As razões que prometem sucesso à nossa missão é que propomos um plano de população permanente [em Marte] e que não precisamos elaborar tecnologia para devolver pessoa à Terra", declarou.

    O jornal revela que o projeto necessita de US$ 6 milhões (R$ 19,4 milhões) para enviar os primeiros quatro colonizadores a Marte.

    Primeiros colonizadores do Planeta Vermelho devem desenvolver agricultura e criar, novamente, a raça humana. O projeto espera fornecê-los todo o necessário para que consigam passar o resto da vida em outro planeta.

    Mais:

    NASA testa motor que impulsionará homem a Marte (VÍDEO)
    Aparelhos espaciais da Rússia ampliarão o que sabemos sobre Marte
    Fundador da SpaceX mostra FOTOS do 'espaçocarro' que será lançado a Marte
    Deserto mexicano 'se camuflará' de Marte para acolher astronautas em treinamento
    Tags:
    humanidade, civilização, fundos, missão espacial, colonização, planeta, Marte, EAU
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik