08:05 19 Abril 2019
Ouvir Rádio
    Lançamento do foguete transportador Soyuz-2.1 do cosmódromo Vostochny, localizado no Extremo Oriente russo

    Confira lançamento bem-sucedido do foguete russo Soyuz (VÍDEO)

    © Sputnik / Ramil Sitdikov
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    6150

    O foguete Soyuz colocou em órbita 11 satélites, 2 deles são russos e 9 produzidos no âmbito de vários contratos comerciais.

    O foguete transportador Soyuz-2.1 decolou com êxito do cosmódromo Vostochny, localizado no Extremo Oriente russo.

    O foguete conseguiu colocar em órbita os satélites russos de sensoriamento remoto Kanopus-B No3 e No4, bem como quatro satélites S-NET, um D-Star alemão e quatro satélites LEMUR dos EUA.

    Destaca-se que já é o terceiro lançamento realizado no cosmódromo.

    No início, o lançamento foi marcado para 22 de dezembro de 2017, mas foi adiado devido ao fracasso do lançamento efetuado em novembro do ano passado.

    Mais:

    Astronauta japonês receia não caber mais no assento da nave espacial Soyuz!
    Para jornalista britânico, legendário foguete russo Soyuz 'tem menos potência que iPhone'
    Nave espacial Soyuz se acoplou com sucesso à Estação Espacial Internacional
    Nave espacial tripulada Soyuz MS-06 decolou com sucesso de Baikonur (VÍDEO)
    Com novo foguete lançador russo Soyuz-5 colocação de satélites em órbita será mais barata
    Tags:
    cooperação internacional, satélites, contratos, órbita, lançamento espacial, foguete-portador, Centro Espacial de Vostochny, Soyuz, Extremo Oriente Russo, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar