06:45 18 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Buraco coronal no Sol

    'Terremoto solar' abala Sol após recente clarão extraordinário

    © AFP 2019/ NASA/SOHO
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    580
    Nos siga no

    O último clarão solar, classificado como o mais forte dos últimos 12 anos, causou ondas sísmicas, que cientistas chamam de “terremoto solar”, disse à Sputnik o colaborador do Instituto russo de Pesquisas Espaciais da Academia de Ciências da Rússia, Aleksei Struminsky.

    O clarão solar, que ocorreu na quarta-feira (6), é considerado o mais forte dos últimos 12 anos. O anterior clarão de potência igual foi detectado em 2005.

    "O interessante deste clarão é que, durante certas explosões, pode-se notar um terremoto solar, ou seja, quando ondas sísmicas — vistas nas imagens — se espalham pela superfície do Sol", comentou Struminsky.

    Segundo o cientista, o clarão não deve afetar a saúde da humanidade, tampouco o funcionamento das comunicações via rádio.

    No entanto, o dirigente do Clube Espacial de Moscou, Ivan Moiseev, acredita que o recente clarão possa provocar já hoje (7) uma forte tempestade geomagnética, capaz de interromper o funcionamento de aparelhos espaciais.

    "É possível que haja interrupções no funcionamento de aparelhos espaciais na órbita. Ainda não ocorreu nenhuma catástrofe, mas interrupções do funcionamento de máquinas já aconteceram, é fato registrado. Forte aumento da atividade solar afeta bastante o funcionamento de equipamento especial", especificou Moiseev.

    Entretanto, o cientista sublinhou que por enquanto nenhum problema foi detectado no espaço após o clarão.

    Mais:

    Sistema Solar terá segundo Sol (VÍDEO)
    Daqui a 2 anos NASA realizará grandiosos planos no Planeta Vermelho
    Tags:
    fenômeno, erupção, tempestade solar, terremoto, Sol
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar