06:48 20 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Um satélite

    Satélites russos conseguirão ver subsolo terrestre e através das nuvens

    CC0
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    31438141

    Cientistas russos estão desenvolvendo tecnologias que permitirão aos satélites militares enxergar além das nuvens e ver o subsolo para realização de sondagem subterrânea, revelou à Sputnik o supervisor da equipe do projeto da Fundação de Estudos Avançados da Rússia, Maksim Vakshtein.

    "A solução tecnológica avançada consiste na transição para uma faixa de ondas de rádio de alta frequência capaz de efetuar observações sob qualquer condição climática. Além das imagens em alta resolução, a novidade será responsável por sondar o subsolo, possibilitando, assim, detectar objetos invisíveis aos satélites com alcance ótico."

    Para ele, as tecnologias atuais que utilizam alcance ótico possuem algumas desvantagens – seu uso é limitado em tempo nublado. Devido às nuvens, é impossível observação da Terra a partir de satélites.

    "A fundação está realizando pesquisas que visam melhorar a velocidade de operação, a eficiência energética, proteção contra interferências prejudiciais, bem como a resistência aos impulsos magnéticos. Todas essas capacidades o tornarão o mais avançado equipamento de radar do futuro", apontou Vakshtein.

    A Fundação de Estudos Avançados foi criada em 2012 para promover pesquisas científicas e o desenvolvimento das tecnologias destinadas à segurança e à defesa do país. As atividades da entidade estão ligadas às três principais vertentes – bioquímica e médica, físico-tecnológica e a de informação.

    Atualmente, a fundação está desenvolvendo mais de 50 projetos, para os quais foram criados mais de 40 laboratórios nas principais universidades, institutos de pesquisas científicas e nas indústrias de defesa da Rússia.

    Mais:

    Amizade espacial: Astronauta francês aprendeu a falar russo com colega da Roscosmos na EEI
    Emprego espacial: NASA está buscando 'defensor de planetas'
    Chuva de chamas: raro fenômeno espacial deixa astrônomo boquiaberto (VÍDEO)
    Tags:
    sondagem, pesquisa e desenvolvimento, satélite, Terra, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik