20:32 14 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Nuvens do Juízo Final são oficialmente reconhecidas pelos cientistas

    'Nuvens do Juízo Final' são oficialmente reconhecidas pelos cientistas

    © Foto / YouTube/Alex Schueth
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    41311
    Nos siga no

    A Organização Meteorológica Mundial reconheceu oficialmente um tipo raro de nuvens e o incluiu na nova edição do Atlas Internacional das Nuvens.

    O portal The Verge frisa que este tipo peculiar de nuvens, que formam silhuetas assustadoras (por exemplo, de rostos de pessoas) é conhecido já por muito tempo, mas até agora nunca fora propriamente estudado e descrito.

    As pessoas pouco familiarizadas com a meteorologia ficam frequentemente amedrontadas com este fenômeno, já que ele é associado com o Juízo Final ou com uma invasão de extraterrestres.

    Há mais de 9 anos, as nuvens "apocalípticas" atraíram a atenção do fundador da Sociedade dos Amadores de Nuvens, o escritor britânico Gavin Pretor-Pinney. No ano de 2009 ele propôs batiza-las como Undulatus asperatus (ondeado e colinoso, em latim) e inclui-las em uma classificação geral das nuvens.

    O autor conseguiu o desejado apenas passados 8 anos. Em uma nova edição do atlas, as nuvens se chamam asperitas (aspereza em latim), já que por regra o nome deve ser um substantivo. Além disso, o atlas foi enriquecido por mais 11 tipos de nuvens — volutus, flumen, fluctus e outros.

    O Atlas Internacional das Nuvens foi pela primeira vez publicado em 1896, sendo que última vez em que um novo tipo de nuvens foi adicionado se deu em 1951.

    Mais:

    Marca da civilização extraterrestre? Estátua extraordinária encontrada em Marte (VÍDEO)
    Mistério do TRAPPIST-1: NASA confirma possibilidade de vida em 3 planetas (FOTO, VÍDEO)
    Sonda da NASA encontra 'fontes' de bolhas nos mares de Titã (VÍDEO)
    Tags:
    fenômeno, apocalipse, natureza, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar