13:24 18 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Imagem do Universo

    Como viajar no tempo? Aqui tem manual de usuário!

    CC BY-SA 2.0 / John Smith / universe
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    6101795

    Cientista russo na área espacial, Andrey Kananin, descreveu a tecnologia de deslocamentos temporais e especificou os prazos de quando o ser humano conseguirá se transferir para outra época.

    Em entrevista à Sputnik Mundo, o pesquisador explicou que a máquina do tempo pode ser criada mesmo durante a vida das gerações atuais que habitam a Terra e que a própria viagem será acessível a qualquer pessoa "comum". Não haverá necessidade de qualquer preparo físico adicional, explica Kananin.

    Segundo ele, as viagens ao futuro são certamente possíveis, o que foi comprovado via experimental. O princípio de deslocamento ao futuro é bem simples. Basta criar um aparelho que possa se deslocar a uma velocidade próxima da velocidade da luz.

    Se você viajar nessa máquina, no seu relógio irá passar menos tempo do que na Terra. Assim que você sair desse aparelho, você se encontrará no futuro, acrescenta.

    Ao mesmo tempo o cientista destaca que "é importante calcular por quanto tempo a máquina segue com uma velocidade sub-luz. Isso é necessário para definir até que distância no futuro você quer viajar".

    Neste sentido, a máquina de tempo parece uma nave espacial. Mas vale a pena tomar em conta que essa viagem será só de ida.

    "Mas há também o desejo de regressar! Este já é um grande problema. A ciência contemporânea afirma que o retorno ao passado é irrealista. A mudança da cronologia poderá provocar alterações fatais na história da humanidade ou criar paradoxos temporais", adverte o cientista.

    Segundo Kananin, uma viagem ao passado é possível do ponto de vista teórico, mas é bilhões de vezes mais complicado do que um voo até ao futuro.

    Se existir pelo menos uma maneira de ultrapassar a velocidade de luz, uma civilização desenvolvida descobrirá esse método, garante o pesquisador russo.

    Kananin explica que "o poder do raciocínio humano sobre as leis da natureza, viagens no tempo, vitória sobre a morte e doenças, exploração do Universo, solução de mistérios da consciência humana e outros problemas semelhantes, representam avanços, são um sonho, são a prova da nossa consistência espacial e do triunfo da razão sobre a matéria sem alma, é o triunfo da sede incessante de conhecer o desconhecido".

    Embora atualmente não existam aparelhos que possibilitem fazer viagens temporais, há desenhos reais de uma máquina do tempo que seja capaz de funcionar.

    O mais importante é que todas as versões deste aparelho são possíveis em termos físicos e tecnicamente compreensíveis aos engenheiros de hoje. Ou seja, em caso de um nível adequado de desenvolvimento da ciência, estes modelos poderão ser construídos.

    É pouco provável que o homem seja capaz de "montar" uma máquina que possa funcionar deste jeito, mesmo em 1.000 anos, mas já um computador superpoderoso, e mais ainda a inteligência artificial, conseguirá cria-la facilmente, conclui o cientista.

    Mais:

    Uma viagem de tempo através do berço soviético de Universo
    Lixo espacial aumentará tempo de viagem da Soyuz à Estação Espacial
    Tags:
    computador, luz, velocidade, civilização, nave espacial, espaço, viagem, tempo, Rússia, Terra
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik