00:30 28 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    160
    Nos siga no

    Os países-parceiros da Estação Espacial Internacional (EEI) discutem a possibilidade de criar uma plataforma internacional, que será localizada perto da Lua.

    De acordo com Vladimir Solntsev, diretor-geral da corporação espacial Energia, tal plataforma permitirá realizar voos ao espaço distante.

    Solntsev fez esta declaração no Congresso da Federação Astronáutica Internacional IAC-2016 em Guadalajara, no México.

    Segundo ele, "voos ao espaço distante podem ser organizados apenas via cooperação internacional".

    A assessoria de imprensa, que citou Solntsev, informou que tal plataforma vai possibilitar a realização de tarefas técnicas para missões pilotadas ao espaço distante.

    Em relatório, Solntsev destacou que as colaborações internacionais na EEI são muito importantes para o programa nacional russo de pesquisas espaciais. Segundo ele, a nave especial Soyuz MC manterá seu nível de competitividade.

    O especialista acha que a EEI é "uma parceria internacional de sucesso que já passou por muitas provas".

    "Sua conhecimento é de grande valor. É necessário seguir executando esse programa, tanto em órbita terrestre baixa, como no espaço distante", sublinha.

    Mais:

    Agência espacial europeia pretende cooperar com Rússia na exploração da Lua
    Geólogos: Lua nova e Lua cheia influenciam terremotos
    Tags:
    plataforma, órbita, missões espaciais, espaço distante, Estação Espacial Internacional, Soyuz MS, Vladimir Solntsev, Guadalajara, México, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar