01:49 25 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    370
    Nos siga no

    Os militares norte-americanos apresentaram uma reclamação à enciclopédia multilingue online Wikipedia sobre seu conteúdo, informou o fundador do site, Jimmy Wales.

    As informações são do jornal russo Kommersant.

    O autor do site revelou que recebeu uma chamada de alguém da Marinha dos EUA "reclamando por ter encontrado um artigo que contém uma fórmula para calcular quantidade de explosivo suficiente para explodir um navio debaixo d’água".

    O representante da Marinha norte-americana comentou que a informação acima mencionada não devia estar na Wikipedia.

    Mais tarde, ficou claro que os dados respectivos estão disponíveis a todos e foram publicados no site oficial da Marinha dos EUA, comunicou Wales.

    Ao mesmo tempo o fundador do portal relatou sobre um caso parecido ocorrido na França quando o governo reclamou de um artigo sobre uma estação secreta de rádio de acordo com recente reportagem da TV francesa.

    Wales revelou que o governo russo pretende criar algo semelhante à Wikipedia a nível nacional.

    "Se o governo russo deseja criar seu próprio site que possa juntar conhecimentos, é maravilhoso, apoiamos isso, porém é difícil imaginar que ele venha a ser parecido e universal se comparado ao site Wikipedia", ressaltou.

    O site Wikipedia surgiu em 2001 e trata-se de uma biblioteca aberta de informações. A particularidade do portal é que cada artigo pode ser criado e editado por qualquer pessoa. Atualmente, o site conta com 37 milhões de artigos escritos em 287 línguas.

    Mais:

    Marinha dos EUA recebe novo submarino que custa quase 3 bilhões de dólares
    Modernização em curso: o que teme a Marinha dos EUA?
    Tags:
    publicação, reclamação, artigo, explosivo, navio, Marinha dos EUA, Wikipedia, EUA, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar