02:01 20 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Mosquitos Aedes aegypti

    Pernilongo comum não transmite vírus Zika, concluem cientistas

    © AFP 2019 / Marvin RECINOS
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 02

    Cientistas do Instituto Oswaldo Cruz (IOC) chegaram à conclusão que o pernilongo comun, de hábitos doméstico e noturno, conhecido pelo nome científico Culex quinquefasciatus, não transmite o vírus Zika.

    A pesquisa foi divulgada hoje (6), em conjunto com a revista científica PLoS (Public Library of Science) Neglected Tropical Diseases e em parceria do Instituto Pasteur de Paris.

    O trabalho envolveu um total de 42 pesquisadores e foi coordenado pelo médico veterinário Ricardo Lourenço, do IOC. Testes iniciais envolvendo centenas de mosquitos, tanto Culex e como Aedes aegypti, acabaram com a hipótese de que Culex também fossem capazes de portar o vírus Zika.

    “Nós examinamos a saliva do mosquito, para ver se o vírus ativo infectante estava ali. Nós não encontramos nenhuma vez o vírus. Isto nos convenceu de que esse mosquito não era capaz de transmitir a Zika. Já os Aedes aegypti se infectavam de 80% a 100% das vezes, com uma quantidade de saliva com muitos vírus” – disse Ricardo Lourenço.

    O cientista afirmou que o trabalho, que descarta a transmissão do Zika pelo pernilongo comum, representa um direcionamento importante para as políticas públicas de combate à doença, pois evitará desperdício de recursos financeiros e esforços de saúde no combate a esse inseto em particular.

    Mais:

    Jogos Olímpicos Rio 2016: segundo OMS não houve registro de zika entre participantes
    Autoridades americanas matam milhões de abelhas tentando combater a zika
    Tags:
    mosquito, pernilongo, vírus, zika, Fundação Oswaldo Cruz, Fiocruz, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar