10:37 17 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    091
    Nos siga no

    Os químicos do Instituto de Física e Tecnologia de Moscou e do Instituto Skolkovo sugerem que as profundezas de Urano e Netuno podem conter matéria exótica – o ácido ortocarbônico, chamado de 'ácido Hitler' por sua estrutura molecular ser semelhante à suástica.

    "Os gigantes gasosos do Sistema Solar, Urano e Netuno, são compostos principalmente por carbono, hidrogênio e oxigênio. Os cientistas descobriram que a uma pressão de vários milhões de atmosferas em seu interior se formam conexões que são impossíveis na Terra. Estes planetas podem ser compostos em grande parte por estes componentes exóticos", disse Artyom Oganov, químico e professor do Instituto Skolkovo.

    Ácido ortocarbônico (H4CO4), extremamente instável em condições normais
    Ácido ortocarbônico (H4CO4), extremamente instável em condições normais
    Segundo Oganov, os químicos aprenderam que os elementos carbono, hidrogênio e oxigênio compõem estruturas estáveis à pressão de várias atmosferas, como a água e dióxido de carbono formam ácido carbônico.

    Com pressões mais elevadas, superiores a três milhões de atmosferas, o ácido carbônico começa reagindo com a molécula de água e forma ácido ortocarbônico (H4CO4), extremamente instável em condições normais.

    Mais:

    Cientistas descobrem planeta habitável orbitando a estrela mais próxima do Sol
    Planeta misterioso pode ser encontrado em breve
    Cientistas dos EUA começaram a estudar sinal 'alienígena' captado por russos
    Tags:
    Espaço, química, astronomia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar