00:34 23 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Satélite em órbita

    Rússia inaugura em breve novo sistema de comando de satélites

    © flickr.com/ Defence Images
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    11280

    O novo complexo de comando de satélites está quase pronto.

    A GLONASS [Global Navigation Satellite System] satellite mock-up on display at the exhibition Space -- Elections -- Telecommunications
    © Sputnik / Vladimir Baranov
    Na Rússia está na fase final o trabalho de desenvolvimento de um sistema único de comando de satélites espaciais, que irá funcionar com base nos satélites retransmissores geoestacionários multifunção Luch ("Raio" na tradução de russo).

    A respectiva informação foi divulgada nesta segunda-feira (16) pela assessoria de imprensa do Instituto Central de Pesquisa e Construção de Máquinas (TsNIIMash na sigla em russo).

    A criação do sistema Luch como centro de comando de aparelhos espaciais foi incluída no programa espacial federal da Rússia para anos 2006-2015. O sistema é baseado nos satélites geoestacionários de retransmissão de sinais Luch-5A, Luch-5B e Luch-5V.

    Após a expiração do prazo de funcionamento destes satélites, está planejada a sua substituição por aparelhos modificados com o mesmo objetivo. O comunicado de TsNIIMash divulgou:

    "Atualmente em órbita geoestacionária da Terra ficam três aparelhos espaciais multifunção do sistema de retransmissão espacial Luch, que permitem realizar em modo de teste sessões de recepção de dados fora das zonas de visibilidade em território russo e retransmiti-los para as estações terrestres russas de monitoramento".

    O sistema Luch está sendo usado em regime experimental desde o início do ano corrente e já mostrou que permite optimizar os meios de direção e aumentar a sua eficácia, indica o comunicado.

    Em abril de 2016 o Centro de Controle de Missão da Agência Espacial Federal Russa recebeu dados do foguete-portador Soyuz 2.1a que tinha sido lançado do cosmódromo Vostochny.

    Mais:

    Roscosmos: foguete e satélites no cosmódromo de Vostochny estão em ordem
    Tags:
    comunicação, satélite, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik