09:08 29 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    4963
    Nos siga no

    Cientistas russos, franceses e alemães descobriram um oceano subterrâneo do éon Arqueano que é maior que o Oceano global, informou na quinta-feira (31) o portal de notícias Lenta.ru.

    A pesquisa da equipe de geoquímicos foi publicada na revista Nature. Segundo ela, o grande reservatório de águas fica debaixo da superfície da Terra a uma profundidade de 410-660 km. Foi formado nos tempos antigos em condições de alta pressão e temperatura (cerca de 1,5 mil graus). A água neste oceano permanece na forma de minerais. Estes minerais foram encontrados no Canadá. Surgiram em resultado de função de komatiito e a sua mistura com olivina.

    Os cientistas fizeram estas conclusões depois de terem analisado peças de lava endurecidas.

    Mais cedo, os cientistas consideravam a hipótese da existência de um oceano subterrâneo, mas a pesquisa permitiu avaliar o volume de água que está debaixo de crosta planetária. Segundo os cientistas, a versão mais provável é que o oceano subterrâneo teria surgido na fase inicial do desenvolvimento do nossa planeta.

    Tags:
    pesquisa, cientistas, oceano, Canadá, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar