06:47 20 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Cometa Lovejoy na foto tirada em 22 de decembro, 2011 no Chile

    Álcool gratuito: encontrado cometa que emite etanol

    © AFP 2017/ ESO/ GUILLAUME BLANCHARD
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    202101121

    Uma equipe internacional de pesquisadores provou que o nome do cometa C/2014 Q2 – Lovejoy [amor e prazer] - não foi dado por acaso: observando a atmosfera do corpo celeste, eles descobriram que este emite álcool em quantidades loucas: um valor equivalente a cerca de 500 garrafas de vinho a cada segundo.

    Nicolas Biver, cientista do Observatório de Paris e principal autor do artigo sobre a descoberta, disse que no cometa foi descoberta a primeira identificação de álcool etílico (etanol, C2H5OH).

    O etanol é o principal tipo de álcool encontrado nas bebidas alcoólicas, produzido pela fermentação de açúcares por leveduras.

    A quantidade de álcool emitido é "pelo menos equivalente a 500 garrafas de vinho por segundo durante o seu pico de atividade", disse Nicolas Biver no comunicado de imprensa.

    Os cientistas observaram o cometa em janeiro de 2015, quando estava na sua condição mais brilhante e produtiva, usando o telescópio de 30 metros do Instituto de Radioastronomia Milimétrica (IRAM), localizado no Pico Veleta nas montanhas da Serra Nevada, na Espanha.

    Além de álcool e açúcar, os astrônomos avistaram 21 outros compostos orgânicos, incluindo água, que é expelida a cerca de 20 toneladas por segundo.

    "Os cometas são restos congelados da formação do nosso sistema solar. Os cientistas estão interessados neles porque eles estão relativamente intocados e, portanto, mantêm indícios da origem do sistema solar", explicou a Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço (NASA) dos Estados Unidos.

    Os astrônomos viram pela primeira vez o Lovejoy em agosto de 2014, quando era um dos cometas mais brilhantes e mais ativos desde o cometa Hale-Bopp em 1997.

    Mais:

    Asteroide gigantesco se aproxima da Terra
    Cientistas anunciam problema principal na luta contra asteroides
    Tags:
    cometa, NASA, Terra, Espaço
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik