22:42 23 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Colaboradores da Cruz Vermelha

    Cruz Vermelha Brasileira lança aplicativo que pode salvar vidas

    © AFP 2018 / YASUYOSHI CHIBA
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 61

    No mês em que se comemora o Dia Mundial de Primeiros Socorros, a Cruz Vermelha Brasileira lançou nesta sexta-feira (25) um aplicativo com vídeos didáticos que pode ajudar a salvar vidas.

    Através de mensagens de curta duração, a população vai poder acompanhar procedimentos que devem ser adotados em vários tipos de emergências de saúde, como acidentes vasculares cerebrais, queimaduras, ferimentos com armas de fogo, crise epilética, choque elétrico, fratura e intoxicação com produtos químicos.

    O aplicativo foi feito em parceria com a Cruz Vermelha americana e pode ser baixado nas plataformas Android e IOS, ou seja, serve em qualquer celular.

    A Cruz Vermelha é há mais de um século referência mundial em primeiros socorros. A cada ano, 14 milhões de pessoas são treinadas para prestar esse atendimento pelo conjunto das sociedades nacionais que compõem a Federação Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho.

    De acordo com o coordenador nacional de Educação e Saúde da Cruz Vermelha Brasileira, Eliezer Lima, a ideia é fornecer informações de forma simples mas didática sobre como as pessoas podem prestar os primeiros socorros em situações de emergência diárias:

    “Como a Cruz Vermelha é líder nos primeiros socorros – é uma das suas atividades mais clássicas desde a fundação –, nós pensamos em fornecer para a população no mundo todo, e agora no Brasil também, uma ferramenta que pudesse dar a eles a facilidade de saber como atuar numa situação de emergência, já que a população passa o dia a dia e não sabe o que fazer. Através do acesso a um programa de celular, ela pode saber o que fazer e salvar vidas.”

    Eliezer Lima chama a atenção para o fato de que o aplicativo contém vídeos em português feitos no Brasil, mas a Cruz Vermelha também está lançando o aplicativo em outros países e em diferentes idiomas.

    “Ele já foi lançado em alguns países, e aqui no Brasil estamos lançando hoje (25) para a população brasileira também. A intenção é justamente fazer com que a população siga os passos e procedimentos que o aplicativo ensina através de textos e também de vídeos.”

    O coordenador nacional de Educação e Saúde da Cruz Vermelha Brasileira explica que para saber como agir o usuário acessa o aplicativo Socorristas da Cruz Vermelha Brasileira, clica no menu principal e escolhe a informação desejada. Em seguida, vídeos, fotos e os procedimentos, passo a passo, vão aparecer na tela.

    O aplicativo da Cruz Vermelha conta ainda com uma parte de perguntas e respostas para tirar dúvidas sobre questões de saúde, conta Eliezer Lima.

    “É interativo, porque a pessoa lê, tira sua dúvida, faz o procedimento, e se depois tiver alguma dúvida tem algumas perguntas que são dúvidas diárias das pessoas. À medida que ela vai lendo o aplicativo, vai se situando e se identificando com as perguntas. Tirando as suas dúvidas, ela vai ter mais segurança para fazer o procedimento quando estiver numa situação de emergência.”

    A Cruz Vermelha Brasileira é uma das 189 sociedades nacionais que compõem o Movimento Internacional de Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho. Foi fundada em 5 de dezembro de 1908, e é constituída com bases nas Convenções de Genebra, das quais o Brasil é signatário. É uma associação civil, sem fins lucrativos, de natureza filantrópica, independente, declarada pelo Governo brasileiro de utilidade pública internacional, de socorro voluntário, auxiliar dos poderes públicos e, em particular, dos serviços militares de saúde.

    Tags:
    aplicativo, Crescente Vermelho, Cruz Vermelha, Eliezer Lima, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik